Caro visitante,

Reparámos que tem um Ad Blocker (software de bloqueio de publicidade) ativo.

A informação tem valor. O Futebol 365 disponibiliza todos os seus conteúdos de forma gratuita e de livre acesso. Os anúncios ajudam-nos a pagar a informação que consulta todos os dias. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker apenas para o Futebol 365.

Esperamos a sua compreensão.

Obrigado.
Futebol 365
Crónica: Portugal vence Arábia e Fernando Santos ganha boas dores de cabeça
por José Pestana c/Lusa, publicado a 11-11-2017 às 07:29
A seleção portuguesa de futebol venceu esta sexta-feira a Arábia Saudita por 3-0, em jogo de preparação para o Mundial2018, no qual o selecionador Fernando Santos retirou certamente boas ‘notas' e ganhou ainda mais ‘dores de cabeça'.

No penúltimo encontro em 2017, em Viseu, Portugal mostrou superioridade sobre o 63.º classificado do ‘ranking' da FIFA e venceu com naturalidade, graças aos tentos do regressado Manuel Fernandes (32 minutos), de Gonçalo Guedes (52) e João Mário (90), estes dois últimos a anotarem os primeiros tentos com a camisola da seleção principal.

Além da vitória, o selecionador promoveu as estreias de Kevin Rodrigues, Edgar Ié, Bruno Fernandes e Bruma, sendo que o médio do Sporting foi um dos destaques na segunda parte, juntamente com Rúben Neves.

Já Gonçalo Guedes, deu sequência à boa fase que vem atravessando no Valência e mostrou-se como mais uma alternativa credível e diferente para os lugares da frente.

Sem contar com alguns dos ‘notáveis', entre eles o ‘capitão' Cristiano Ronaldo, Fernando Santos promoveu a estreia absoluta do lateral esquerdo Kevin Rodrigues, que formou o quarteto defensivo com João Cancelo, Pepe e Luís Neto, à frente do guardião Anthony Lopes.

O selecionador lançou igualmente de início Manuel Fernandes, que não atuava com a camisola das ‘quinas' há quase seis anos. O médio do Lokomotiv de Moscovo dividiu as tarefas a meio-campo com Danilo, João Mário e Bernardo Silva, enquanto Gonçalo Guedes e André Silva surgiram como homens mais adiantados.

Manuel Fernandes foi mesmo um dos mais ativos na procura do golo na primeira parte, surgindo em zonas de finalização, desde logo ainda antes dos 10 minutos, quando rematou por cima.

Contudo, a primeira ocasião flagrante partiu dos pés de João Mário, mas o poste anulou as intenções do jogador do Inter de Milão, numa altura em que era evidente a superioridade de Portugal, perante um adversário que atuou com cinco defesas, quatro médios e um avançado.

Também Gonçalo Guedes esteve perto de celebrar, à passagem do quarto de hora, mas cabeceou ao lado, quando tinha tudo para colocar Portugal na frente do marcador.

As ténues incursões da Arábia Saudita eram facilmente resolvidas pelo setor mais recuado português e, como era previsível, o tento da seleção nacional acabou por chegar. Manuel Fernandes, que um minuto antes tinha visto um defesa impedir que o seu remate levasse o melhor caminho, deu a melhor sequência a um passe bem medido de Gonçalo Guedes e rematou certeiro.

O claro domínio do conjunto das ‘quinas' poderia ter permitido uma vantagem mais dilatada antes da saída para o intervalo, mas João Cancelo e Gonçalo Guedes não acertaram no alvo, sendo que, no regresso do descanso, e já com Ricardo Pereira no lugar de João Cancelo, o avançado do Valência voltou a desperdiçar nova oportunidade.

Contudo, Guedes tantas vezes tentou que acabou mesmo por anotar o primeiro golo pela seleção ‘AA’, numa jogada quase tirada a ‘papel químico' do tento inaugural, dando a melhor sequência a um passe do recém-entrado Ricardo Pereira.

As várias alterações levadas a cabo pelos dois selecionadores, entre as quais as entradas dos estreantes Bruno Fernandes e Bruma na seleção nacional, retiraram algum ritmo ao jogo, apesar das iniciativas do ‘agitador' Gelson Martins.

Bruno Fernandes procurou mesmo a estreia perfeita, à hora de jogo, obrigando Mohammed Alowais a defesa apertada, o mesmo sucedendo com Bruma e João Mário, que viram o guardião opor-se com dificuldade.

Em contraste com as arrancadas de Gelson, Rúben Neves e Bruno Fernandes mostraram a Fernando Santos que podem ser alternativas efetivas para o meio-campo da seleção, tendo oferecido maior capacidade de circulação à equipa.

Já em cima do final, João Mário, que envergava a braçadeira de ‘capitão', após a saída de Pepe, conseguiu, à 30.ª internacionalização ‘AA’, o primeiro golo ao serviço da seleção principal, num remate forte de fora da área, que fechou as contas da partida.

Siga-nos no Facebook, no Google+ e no Twitter.
Notícias Relacionadas
Comentários
JOGOS E RESULTADOS
loading
A carregar...
F365 NO FACEBOOK
SONDAGEM
Quem é o responsável pelo atual mau momento do Benfica?
FORA DE JOGO
Daniel Hegarty morreu em acidente no Grande Prémio de Motos de Macau
Daniel Hegarty morreu em acidente no Grande Prémio de Motos de MacauO piloto britânico Daniel Hegarty (Honda), que hoje sofreu um acidente a meio da prova ...
Euromilhões de terça-feira com 'jackpot' de 60 milhões de euros
Euromilhões de terça-feira com 'jackpot' de 60 milhões de eurosO concurso do Euromilhões de terça-feira vai ter um ''jackpot'' de 60 milhões de euros, ...
Futebol na Televisão: Os jogos que pode ver durante este fim-de-semana
Futebol na Televisão: Os jogos que pode ver durante este fim-de-semanaConfira a lista dos jogos que poderá acompanhar em direto, durante este fim-de-semana, nos canais ...
Rio Ave: Tarantini lança livro sobre gestão do final de carreira desportiva
Rio Ave: Tarantini lança livro sobre gestão do final de carreira desportivaO defesa Tarantini, capitão do Rio Ave, apresentou hoje, no Porto, o livro ‘A Minha ...
© 1997-2017 Futebol 365
Todos os direitos reservados