Jorge Jesus: «Sporting teve durante 75 minutos muita qualidade»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

Declarações de Jorge Jesus após o jogo Vitória de Guimarães-Sporting (3-3), da sétima jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado hoje em Guimarães.
Jorge Jesus: «Sporting teve durante 75 minutos muita qualidade»

"O Sporting teve durante 75 minutos muita qualidade, um futebol ofensivo muito dinâmico, rápido, criativo. Esteve sempre à espera do quarto golo até à grande penalidade. O Rui Patrício sofreu três golos e não fez uma defesa. Até à grande penalidade desnecessária, o Sporting controlou perfeitamente o resultado e o jogo.

Acabámos por levar o terceiro golo de bola parada, que fez com que o Sporting não saísse daqui com uma vitória. É verdade que o [Vitória de] Guimarães teve mérito nos últimos 15 minutos, com um futebol direto sem muita capacidade técnica, mas muita capacidade física. Perdemos, no corredor central, com o cansaço, algum equilíbrio. Os jogadores do Guimarães mereceram, porque acreditaram sempre que podiam mudar o resultado. Os adeptos também ajudaram.

Tirando o segundo golo, os golos não resultaram de jogadas dinâmicas. A equipa teve medo de empatar e sentiu muito o 3-2. É uma pena, não só pelo resultado, mas pelo que a equipa fez. A ganhar em Guimarães 3-0 e deixar-se empatar, ainda é pior. Mas temos de estar preparados para aceitar que estas coisas do futebol não têm muita lógica, mas acontecem. Temos de continuar a nossa caminhada, que continua a ser sorridente, com muita qualidade.

O Soares empurrou o Schelotto nas costas antes de cabecear. Levámos o 3-3, numa situação em que o Soares empurra o Schelotto nas costas. Também houve experiência do Soares. Arriscou tudo na esperança de que o árbitro não visse e foi premiado.

Estes quatro jogadores [da defesa] foram os que acabaram o campeonato. Estiveram sempre bem. As ideias são as mesmas. Não posso também justificar com a falta da última linha.

O Markovic esteve bem no golo que fez. Quando acelera, é muito rápido. Justificou a titularidade. A saída também quebrou um bocadinho a qualidade de jogo. Pôs várias vezes a defesa do Guimarães em sentido. A entrada do Bruno foi no sentido de privilegiar o 3-1, mas não conseguimos.

A lesão do Adrien é um bocadinho o reflexo dos jogos da ‘Champions’. Com algum cansaço muscular nestas situações aparecem lesões".

Programa da jornada:

Sexta-feira, 30 de Setembro de 2016
Tondela - Paços Ferreira, 2 - 1

Sábado, 1 de Outubro de 2016
Rio Ave - Estoril, 1 - 2
Desp. Chaves - Belenenses, 3 - 1
V. Guimarães - Sporting, 3 - 3
Nacional - FC Porto, 0 - 4

Domingo, 2 de Outubro de 2016
Benfica - Feirense, 4 - 0
V. Setúbal - Marítimo, 0 - 1
Boavista - Moreirense, 2 - 0
Arouca - Sp. Braga, 1 - 1

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página