loading

Crónica: Sporting vence em Oleiros e segue em frente na Taça de Portugal

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O Sporting venceu hoje o Oleiros, do Campeonato de Portugal, por tranquilos 4-2, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal em futebol, disputado no sintético da vila de Oleiros.
Crónica: Sporting vence em Oleiros e segue em frente na Taça de Portugal

O médio João Palhinha foi a figura do jogo, com dois golos (23 e 62 minutos), e Mattheus Oliveira (41) e Rafael Leão (86) apontaram os outros tentos dos ‘leões’, enquanto Jackson (80) e Djô Djô (90+3) transformaram-se nos ‘heróis’ locais.

Com uma equipa de reservas, e na ressaca de quatro jogos sem ganhar, o Sporting começou ao ataque, encostando atrás a equipa de Oleiros, que ia tirando como podia as bolas que caíam constantemente na sua área.

O Oleiros, que efetuou o primeiro remate, sem perigo, aos 20 minutos, resistiu até aos 23, altura em que João Palhinha aproveitou bem uma bola que ficou embrulhada na área e rematou para o primeiro golo da noite.

Os anfitriões ficaram em desvantagem numa altura em que estavam a melhorar a sua prestação e acusaram o golo, mas, aos 35 minutos, Jackson teve nos pés o golo do empate, num remate que saiu muito perto do poste da baliza ‘leonina’.

O remate do inconformado Jackson moralizou os oleirenses, que voltaram a ter um bom período, só que o Sporting foi mais eficaz e, aos 41 minutos, reforçou a liderança, graças a um tento de Mattheus Oliveira, o seu primeiro pelos ‘leões’.

Na segunda parte, o Oleiros entrou mais atrevido, a mostrar vontade de marcar e, novamente num remate de Jackson, criou perigo aos 55 minutos.

Contudo, o Sporting voltou a acelerar o jogo e, após um cruzamento de Daniel Podence, na direita, João Palhinha ‘bisou’, aos 62 minutos, num remate acrobático e sem deixar cair a bola no chão, perante alguma apatia da defesa local.

Aos 70 minutos, Jackson rematou enrolado à baliza de Salin e, aos 80, a sua insistência deu, finalmente, frutos, num remate que entrou junto ao poste esquerdo, para alegria da equipa da casa e do público local.

O Sporting viria a repor a vantagem em três golos, aos 86 minutos, por intermédio do ‘miúdo’ Rafael Leão, após nova assistência de Podence.

Praticamente na última jogada, aos 90+3 minutos, o Oleiros ainda marcou um segundo golo, da autoria do suplente Djô Djô, que havia entrado na segunda parte para o lugar de Leandro.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página