«Estou confiante que o Benfica consiga ultrapassar o FC Porto e vencer o título»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O antigo guarda-redes do Benfica Júlio César considerou hoje que o «campeonato só acaba quando entregam o troféu» mostrando-se confiante de que os «encarnados» consigam ultrapassar o FC Porto na I Liga.
«Estou confiante que o Benfica consiga ultrapassar o FC Porto e vencer o título»

“Já vimos no futebol acontecerem coisas que eram inimagináveis, e estou confiante que o Benfica consiga ultrapassar o FC Porto e conseguir o título”, disse o guarda-redes, que representou as ‘águias’ entre 2014 e 2017 e conquistou três títulos.

Júlio César falou à margem de uma iniciativa em Lisboa que reuniu figuras públicas ligadas ao Benfica e ao Sporting, a três dias do dérbi no Estádio José Alvalade, na 20.ª jornada da I Liga de futebol, quando os dois emblemas estão a alguma distância do FC Porto.

O Benfica é segundo classificado, com menos cinco pontos do que os ‘dragões’, enquanto o Sporting, que empatou na última jornada em Setúbal (1-1), é quarto, a dez pontos do líder.

“Apesar da distância, o campeonato só acaba quando entregam o troféu. Não tem nada definido, é uma distância realmente considerável, mas futebol é futebol”, considerou Júlio César, quando questionado se o dérbi será decisivo para o Benfica.

O antigo guarda-redes, de 39 anos, disse ainda que um dérbi pode trazer uma motivação acrescida e referiu ainda que a recuperação de 2015/16, em que chegou a ter oito pontos de atraso para o Sporting e foi campeão, pode ser um exemplo.

“Pode ser um grande exemplo a ser dado para o grupo. É continuar trabalhando, focado e meter pressão em cima do FC Porto, porque quando se está na frente é complicado manter uma regularidade de pontos para conseguir o campeonato”, disse.

A finalizar, o guarda-redes admitiu que a troca de treinador, com a entrada de Bruno Lage, foi “uma injeção de ânimo”, que considerou normal, e deixou elogios aos guarda-redes das duas equipas, Renan, que já conhecia, e Vlachodimos, que teve a difícil missão de fazer esquecer Ederson.

“O Renan tive a oportunidade de conhecer em Lisboa, já mostrou as suas qualidades (…). O Odysseas [Vlachodimos] vem crescendo a cada partida, substituir um guarda-redes do quilate do Ederson é complicado e ele está a sair-se muito bem”, justificou.

O jogo entre Sporting e Benfica para o campeonato está marcado para domingo, às 17:30, e antecede novo dérbi, na quarta-feira, para a primeira mão das meias-finais da Taça de Portugal, no Estádio da Luz.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página