loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Bayern Munique e Federação da Coreia do Sul assinam parceria na formação

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem tem o calendário mais difícil até final da temporada?

O Bayern Munique e a Federação de Futebol da Coreia do Sul (KFA), que tem como selecionador o português Paulo Bento, anunciaram hoje a assinatura de um acordo focado na troca de experiências na formação de jogadores.
Bayern Munique e Federação da Coreia do Sul assinam parceria na formação

Esta parceria, que incide na permuta dos métodos de treino na formação de jovens jogadores, é a décima estabelecida entre o clube alemão e uma federação de um país asiático, depois do primeiro protocolo assinado com o Japão, em maio de 2018.

O acordo inclui trocas de treinadores entre o Bayern Munique e a KFA, jogos de caráter particular entre equipas de ambos os países e campos de treino em comum.

A parceria também permitirá que os atuais campeões alemães descubram mais facilmente talentos jovens sul-coreanos, como fez em 2018 ao contratar o avançado Woo-Yeong Jeong, de 19 anos.

“O futebol sul-coreano tem muito talento jovem e pratica um trabalho excecional na formação. É o caso de Woo-Yeong Jeong, que veio da Coreia do Sul há um ano e está a desenvolver-se de forma notável”, disse o presidente do Bayern Munique, Karl-Heinz Rummenigge.

O presidente do conselho de administração da KFA e antigo capitão da seleção sul-coreana que terminou no quarto lugar o Mundial2002, Myung-bo Hong, afirmou estar confiante de que com o apoio do Bayern Munique os talentos do seu país poderão atingir o nível exigido no futebol europeu.

Além das parcerias estabelecidas com estas duas federações asiáticas de futebol (Japão e Coreia do Sul), o Bayern Munique também abriu seis escolas de futebol, na Tailândia, Japão, Estudos Unidos e China (três).

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler