loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Sérgio Conceição: «Não tenho de comentar as palavras do presidente do Sp. Braga»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem precisa de mais reforços para a próxima época?

Declarações de Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, após o jogo com o Sporting de Braga (1-1), da segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal de futebol, disputado na terça-feira em Braga.
Sérgio Conceição: «Não tenho de comentar as palavras do presidente do Sp. Braga»

«Não fomos competentes nos penáltis. Acho que já merecíamos estar no ano passado na final. Foi o mais positivo de hoje do jogo. Eu não gostei nada do jogo. Percebíamos que o Braga ia fazer tudo para tentar o golo e que o ia tentar de uma forma diferente de há três dias.

Em termos estratégicos, não fomos a equipa que costumamos ser e depois andámos muito tempo a correr atrás do adversário. O grupo dá-me total confiança para que o 11 de hoje pudesse fazer mais e melhor do que o que hoje fez.

Não acho normal levar um castigo de oito dias e que ele saia quase à hora do jogo. Não acho normal insultos de pessoas com responsabilidades na sociedade portuguesa [embaixador Seixas da Costa]. Não sei se é para desestabilizar o nosso balneário, mas se é para isso, têm de fazer mais.

De arbitragem, não vou falar. Não tenho de comentar as palavras do presidente do Sporting de Braga.

Não tenho preferência [pelo adversário da final, a 25 de maio]. O adversário que nos tocar na final vai ser analisado de acordo com o momento [que estiver a viver]. No dia 25, queremos fazer toda a nação portista feliz. Agora, vamos pensar no jogo com o Boavista [para a I Liga].

É uma opção [a ausência de Brahimi no ‘onze’]. Para isso, teria de explicar os casos dos 15 jogadores que não jogam em cada jogo».

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler