loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Bruno Lage: «Estamos a uma final de fazer algo que vai ser muito bom para nós»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Benfica ou FC Porto, quem vence a I Liga 2018-2019?

Declarações de Bruno Lage, treinador do Benfica, no final do encontro com o Rio Ave (3-2), da 33.ª jornada da I liga portuguesa de futebol.
Bruno Lage: «Estamos a uma final de fazer algo que vai ser muito bom para nós»

«Mais importante que o meu aniversário, foi sairmos desta jornada com a mesma posição [primeiro lugar].

Foi um jogo muito difícil, tal como prevíamos, num campo complicado, frente uma excelente equipa, bem orientada.

Fizemos o jogo que tínhamos de fazer, e marcando os golos que nos permitem continuar na frente.

Não foi a primeira vez que tive um jogo no dia do meu aniversário, mas, curiosamente, sempre que aconteceu nunca perdi. Mas, tinha também a convicção que o FC Porto, como excelente equipa que é, ia fazer o seu trabalho, porque tem a mesma determinação que nós em conseguir o título.

Estivemos sempre tranquilos e conseguimos uma entrada muito forte no jogo.

Sabíamos que só conquistando os nossos pontos é que poderíamos dar sequência ao trabalho que temos feitos nos jogos e nos treinos. Determinámos que esta viagem seria feita jogo a jogo, e as coisas foram acontecendo com naturalidade.

Estamos a uma final de fazer algo que vai ser muito bom para nós. Agora temos de descansar, treinar bem, e continuar focados em dar sequência ao nosso trabalho.

O momento decisivo neste jogo foi a forma como entrámos na partida. Se olhássemos para um passado recente, havia quem tivesse dúvidas sobre como a equipa se ia portar, depois de duas entradas não tão boas.

Mas surgirmos fortes, e determinados em vencer, sabendo que se marcássemos um golo no início as coisas podiam correr de feição. Sabíamos o que o Rio Ave tinha feito frente ao FC Porto e Moreirense e tínhamos de surgir com determinação.

Nunca foi a nossa maneira de estar, olhar para o que acontece com o FC Porto. Depois de vencermos no Dragão, passámos a depender apenas de nós, mesmo quando estivemos, várias semanas seguidas, a jogar depois do FC Porto, e vê-los na frente à condição. Isso nunca nos afetou.

Vamos continuar a olhar para o nosso jogo, sabendo que temos, agora, uma final com o Santa Clara, uma equipa também difícil, que tem feito um bom campeonato, com uma manutenção garantida com mais de 40 pontos».

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler