loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Estados Unidos marcam encontro com França nos quartos de final do Mundial feminino

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem precisa de mais reforços para a próxima época?

Os Estados Unidos, detentores do título, bateram hoje a Espanha, por 2-1, e qualificaram-se para os quartos de final do Campeonato do Mundo de futebol feminino, em que vão defrontar a anfitriã França.
Estados Unidos marcam encontro com França nos quartos de final do Mundial feminino

No outro jogo do dia, a Suécia bateu o Canadá, por 1-0, e vão enfrentar a Alemanha nos quartos de final, fase em que já está definido também o embate entre Inglaterra e Noruega.

A capitã americana, Megan Rapinoe, inaugurou o marcador em Reims, aos 07 minutos, de grande penalidade, e confirmou a vitória aos 75, também na transformação de um castigo máximo, depois de Jenifer Hermoso feito o empate para as espanholas ao minuto 09.

Apesar da vitória tangencial, os Estados Unidos dominaram o encontro, no qual a veterana Rapinoe, que fará 34 anos na próxima semana, voltou a mostrar a sua influência na seleção atingindo os 47 golos em 156 jogos.

Na sexta-feira, no Parque dos Príncipes, em Paris, os Estados Unidos terão pela frente a França, provavelmente o seu adversário mais difícil até agora, que se apurou para os quartos de final no domingo, ao derrotar o Brasil, por 2-1, após prolongamento.

O estádio da capital foi o palco do encontro que opôs hoje suecas e canadianas e que ficou decidido a favor das europeias com um golo solitário de Blackstenius, aos 55 minutos, depois do 'nulo' registado ao intervalo.

O equilíbrio da partida poderia ter tido expressão no marcador, não fosse o Canadá ter desperdiçado uma grande penalidade, ao minuto 69, com Janine Beckie a permitir a defesa à guarda-redes Hedvig Lindhal.

As duas vagas restantes entre os últimos oito serão preenchidas nos jogos de terça-feira, o primeiro a opor Itália e China e o segundo entre a Holanda e o Japão, vice-campeão do mundo.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler