loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Inês Oliveira: «Queremos terminar em primeiro»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

Internacional portuguesa dá o mote para o jogo com a Holanda, que encerrará a primeira fase de qualificação da Seleção Nacional feminina sub-17 para o Euro 2020.
Inês Oliveira: «Queremos terminar em primeiro»

A Seleção Nacional feminina sub-17 continua a prestigiar o futebol de formação português na primeira fase de apuramento para o Campeonato da Europa de 2020. Depois das vitórias frente a Israel (4-1) e Letónia (4-0), que colocaram Portugal na Ronda de Elite de acesso ao Euro, as comandadas de Carlos Sacadura estão agora focadas no objetivo de vencer a Holanda e garantir o primeiro lugar do Grupo 11.

Inês Oliveira, que se destacou no último jogo de Portugal com um 'hat-trick', deu conta disso mesmo, em declarações a fpf.pt. Das escolas de formação do SC Braga, a internacional portuguesa fez um balanço positivo da prestação lusa e garantiu que a ambição não é menor por já ter sido garantido o primeiro grande objetivo da época.

"Tínhamos um grande objetivo em mente, que era passar à Ronda de Elite. Conseguimos concretizá-lo à segunda jornada, mas a ambição continua firme. Só pensamos em completar este percurso com uma vitória frente à Holanda, mesmo sabendo que será a equipa mais difícil, e que nos criará provavelmente os maiores problemas. Queremos terminar em primeiro", revelou a jovem, de 16 anos.

Numa análise ao poderio da Holanda, a jogadora lembra que se trata da "vice-campeã do último Europeu feminino sub-17, tão forte a atacar como a defender" e que "também vem de duas vitórias", tendo assegurado também a qualificação para a Ronda de Elite. Ainda assim, faz notar que "a Holanda olhará com respeito para Portugal", porque a equipa lusa "também foi até às meias-finais do Europeu".

"Como disse, é capaz de ser o jogo mais complicado até agora. Elas vão entrar com tudo porque sabem que nós também temos qualidade. Temos de ser muito focadas e rigorosas neste jogo", alertou Inês Oliveira, uma das jogadoras que representou Portugal na fase final do Europeu de 2019.

A atleta confessou que marcar três golos à seleção de Israel não estava nos seus sonhos e fez questão de dividir o mérito com toda a equipa: "Não sonhava sequer com isso. Entrei na segunda parte e as coisas saíram-me bem, muito por conta da ajuda das minhas colegas. O mérito é de todas".

Após o 'hat-trick', o primeiro ao serviço da Equipa das Quinas, Inês Oliveira teve a oportunidade de festejar com a família. "Estavam na bancada. Fui logo a correr ter com eles. É uma motivação extra para mim tê-los nestes jogos importantes. Espero que a nossa equipa tenha muito apoio frente à Holanda. É importante sentir que as pessoas vêm ao estádio para ver futebol femnino e vibrar com a nossa equipa".

O encontro entre Portugal e Holanda está agendado para segunda-feira, 28 de outubro, pelas 15h00, no Estádio do Marítimo, e irá passar em direto no Canal 11.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler