loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Bruno Lage: «Estou muito satisfeito com a qualidade e o trabalho da nossa equipa»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

Declarações de Bruno Lage, treinador do Benfica, após o jogo Benfica-Rio Ave (2-0), da 10.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado no Estádio da Luz, em Lisboa.
Bruno Lage: «Estou muito satisfeito com a qualidade e o trabalho da nossa equipa»

“Ao intervalo, tentámos acertar aquilo que começámos a fazer a partir dos 15 minutos. A nossa forma de pressionar tinha de ser diferente, para não nos expormos no espaço entre linhas, atrás do Gabriel. A jogarem com dois pontas de lança e com dois médios, a nossa pressão vertical podia ser feita na mesma. A inclusão de um médio levou estrategicamente a que o Tarantini se colocasse nas costas do Gabriel e tínhamos de pressionar. Passámos a mensagem que teríamos de pressionar como foi com o Portimonense e depois acertámos essa situação.

Na primeira parte, temos duas boas oportunidades de golo, com um remate do Cervi para grande defesa do guarda-redes e também o Vinícius a receber, orientar e fazer um remate rente à trave. Tivemos entrada forte na segunda parte e, com 2-0, o jogo ficou do nosso lado. Benfica cresceu, mas teve de se reorganizar após as dificuldades que o adversário nos colocou durante o jogo.

Com o Grimaldo não se passa nada. Foi apenas gestão de esforço, sentiu que estava a entrar numa situação de fadiga. O Raúl de Tomás é opção, tem de se viver do rendimento individual e coletivo.

Estou muito satisfeito com a qualidade e o trabalho da nossa equipa. Eles têm de continuar a trabalhar e depois nós, equipa técnica, decidimos a cada momento qual o melhor ‘onze’.

Dedicamo-nos sempre da mesma forma ao trabalho. Termina este jogo, vamos analisá-lo e partimos para o jogo seguinte. Estamos numa sequência de cinco vitórias e todas as estatísticas vão ser colocadas de forma favorável. A equipa não se estava a encontrar com as boas exibições, havia muito barulho. É preciso estarmos todos do mesmo lado e unidos, é a nossa ambição e exigência.

A cada momento, a cada apoio, o relvado desliza. O perigo de deslizar ainda permanece. O relvado vai ser substituído, mas isso não implica nada. Nunca uso isso como desculpa. A nossa preocupação foi sempre a saúde dos nossos atletas e também do nosso adversário.

Faltam-nos dois jogos para fechar esta sequência de sete jogos e o que nós queríamos era uma reentrada forte nas competições, que penso que conseguimos fazer”.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler