loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Ivo Vieira rejeita «peso» da Liga Europa no Guimarães e quer triunfo em Setúbal

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

O treinador Ivo Vieira afirmou hoje que a presença na Liga Europa de futebol não pode «pesar» nos encontros da I Liga portuguesa e mostrou-se confiante num triunfo frente ao Vitória de Setúbal, para a 12.ª jornada.
Ivo Vieira rejeita «peso» da Liga Europa no Guimarães e quer triunfo em Setúbal

A turma minhota perdeu os últimos dois embates para o campeonato no rescaldo das jornadas europeias - Sporting (3-1) e Braga (2-0), após os duelos com o Arsenal, de Inglaterra - e desloca-se a Setúbal após o empate caseiro com os belgas do Standard de Liège (1-1), mas o técnico, de 43 anos, frisou que o seu plantel está preparado para o campeonato, a prova "mais importante".

"Com todo o respeito por todas as competições, a mais importante é esta [I Liga]. Não podemos levar para amanhã [domingo] peso algum em relação ao jogo de quinta-feira. Muitos clubes queriam lá estar e o Vitória teve esse privilégio, mas só no campeonato é que se pode conquistar o espaço para repetirmos esses momentos", disse, na antevisão ao jogo marcado para as 17:30 de domingo.

Sexto classificado da I Liga, com 16 pontos, o Vitória nortenho está "ainda desgastado" face ao "período de recuperação curto", admitiu o treinador, mas tem condições ser "mais forte" do que o homónimo sadino e para alcançar os três pontos no Estádio do Bonfim, caso tenha "empenho" e trabalhe de "forma organizada e consciente".

O jogo de domingo será o primeiro em casa do terceiro treinador sadino nesta época, Julio Velázquez. O ‘timoneiro’ dos minhotos lembrou que o Belenenses orientado pelo técnico espanhol, entre 2015 e 2016, gostava de "ter bola e de sair bem na primeira fase de construção", características que, a seu ver, podem ressurgir.

O Vitória de Setúbal, 12.º classificado da I Liga, com 12 pontos, tem o pior ataque (três golos) e a terceira melhor defesa (sete sofridos), mas tais dados são irrelevantes para a abordagem vimaranense à partida, baseada naquilo que poderá ser feito "em termos ofensivos", frisou Ivo Vieira.

O técnico disse ainda que o facto de as duas equipas se defrontarem novamente na quarta-feira, às 18:45, para o grupo B da Taça da Liga "não condiciona absolutamente nada" o foco da equipa no embate de domingo.

Ivo Vieira reconheceu ainda que o central Pedro Henrique, habitual capitão de equipa, perdeu a braçadeira, entregue a Douglas na quinta-feira, para a Liga Europa. O treinador tomou a decisão após uma discussão com o jogador na partida com o Moreirense, em 02 de novembro (1-1), e foi-lhe transmitida com "frontalidade".

"O Pedro Henrique não teve um comportamento adequado. Isso é uma realidade, mas não um problema. Às vezes, o treinador não controla o comportamento dos atletas, mas a situação está completamente ultrapassada. Eu só funciono com rendimento e trabalho e ele teve um bom desempenho [com o Standard]. É um sinal de que ele está bem", disse.

O Vitória de Guimarães, sexto classificado, com 16 pontos, defronta o Vitória de Setúbal, 12.º, com 12, em partida da 12.ª jornada da I Liga marcada para as 17:30 de domingo, no Estádio do Bonfim, em Setúbal.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler