loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Boavista: Daniel Ramos diz de que jogo com o Famalicão será «muito exigente»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Outras Notícias

Sondagem

Com a vitória do FC Porto frente ao Benfica o campeonato está relançado?

O Boavista diz ter "a perfeita noção" de que a receção ao Famalicão, no sábado, para a 16.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, será "um jogo muito exigente contra uma equipa que está a surpreender de forma positiva".
Boavista: Daniel Ramos diz de que jogo com o Famalicão será «muito exigente»

As palavras são do novo técnico ‘axadrezado’, Daniel Ramos, que hoje fez a antevisão desse encontro com o terceiro classificado do campeonato. Os famalicenses deslocam-se ao Estádio do Bessa com mais sete pontos do que o Boavista (26 contra 19), mais do dobro dos golos marcados (29 contra 13) e, também, mais golos sofridos (25 contra 14).

"Não estava cá anteriormente", contrapôs Daniel Ramos, acrescentando que "o Famalicão cria muitas oportunidades, por ser uma equipa com muita largura" e profundidade no seu jogo, mas devido a isso "também concede espaços para que o adversário crie oportunidades".

Daniel Ramos resumiu a sua opinião sobre o Famalicão dizendo que "é uma equipa tem esse lado atrativo e daí os golos marcados e sofridos".

"Temos a perfeita noção que de que temos pela frente um jogo muito exigente, contra uma equipa que está a surpreender de forma positiva pela qualidade demonstrada, pelos resultados e pelo posicionamento na tabela classificativa", completou.

O Boavista tem "ainda bastante para melhorar, um processo por consolidar e melhorias ofensivas e defensivas que precisam de continuar a ser trabalhadas", observou o técnico ‘axadrezado’.

"Estamos num processo de mudança e num momento aquisitivo das minhas ideias", prosseguiu, dizendo esperar "que a equipa as assimile o mais rápido possível".

O técnico explicou pretender, também, "que a equipa seja mais tranquila quando tem bola, o que não é fácil", tendo referido que "o lado defensivo é sempre mais rápido de trabalhar e o lado ofensivo demora mais tempo a consolidar”.

Este jogo com o Famalicão tem um "grau de dificuldade elevadíssimo", sendo para Daniel Ramos "uma grande oportunidade" para o Boavista se testar a si próprio ante "uma grande equipa".

Questionado quanto a possíveis reforços, Daniel Ramos disse apenas que "tem havido conversa diária" com os dirigentes boavisteiros. "Há uma linha matriz e na próxima semana, provavelmente, iremos tomar algumas decisões para o futuro imediato do Boavista".

Carraça e Gustavo Sauer debateram-se com alguns problemas físicos, mas treinaram e estão disponíveis para o jogo, adiantou ainda o treinador.

O Boavista, oitavo classificado, com 19 pontos, recebe o Famalicão, terceiro, com 26, num jogo da 16.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol marcado para sábado, às 18:00, no Estádio do Bessa, no Porto.

Programa da jornada:

Sexta-feira, 10 de Janeiro de 2020
Santa Clara - Rio Ave, 0 - 1
Benfica - Desp. Aves, 2 - 1
Moreirense - FC Porto, 2 - 4

Sábado, 11 de Janeiro de 2020
Portimonense - Paços Ferreira, 0 - 0
Boavista - Famalicão, 0 - 1
V. Setúbal - Sporting, 1 - 3

Domingo, 12 de Janeiro de 2020
Gil Vicente - Belenenses SAD, 2 - 0
Marítimo - V. Guimarães, 0 - 0
Sp. Braga - Tondela, 2 - 1

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler