loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Síntese: Benfica reforça liderança na ‘viragem’ e Braga atrasa FC Porto

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Outras Notícias

Sondagem

Com a vitória do FC Porto frente ao Benfica o campeonato está relançado?

Dois golos de Rafa no dérbi da 17.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol reforçaram na sexta-feira a liderança isolada do Benfica, que capitalizou da melhor forma a derrota do FC Porto com o Sporting de Braga.
Síntese: Benfica reforça liderança na ‘viragem’ e Braga atrasa FC Porto

No Estádio José Alvalade, o avançado luso foi lançado por Bruno Lage aos 74 minutos, para o lugar de Chiquinho, e aos 80 colocou as ‘águias’ em vantagem perante o Sporting, antes de ‘bisar’ e consumar o triunfo em tempo de compensação, aos 90+9.

Os campeões nacionais somaram a 14.ª vitória seguida no campeonato e deixaram os ‘leões’ a consideráveis 19 pontos de distância no fecho da primeira volta, sendo que a formação de Alvalade pode ficar mais longe do terceiro lugar, caso o Famalicão consiga bater o Marítimo, no domingo.

Além do ‘sabor’ de vencer o rival em Alvalade, o Benfica conseguiu o melhor de ‘dois mundos’, já que, pouco antes, o FC Porto perdeu por 2-1 na receção ao Sporting de Braga, o que permitiu aos ‘encarnados’ consolidarem a liderança, agora com mais sete pontos do que os ‘dragões’.

Fransérgio, aos cinco minutos, e Paulinho, aos 75, fizeram os tentos dos ‘arsenalistas’, e Soares anotou o golo portista, aos 58, pouco depois de ter falhado uma grande penalidade. Este foi o segundo castigo máximo desperdiçado pelos ‘azuis e brancos’ no encontro, após Alex Telles também não ter conseguido bater o guarda-redes Matheus, no primeiro tempo.

O Sporting de Braga, que somou a terceira vitória seguida sob o comando de Rúben Amorim, não vencia em casa do FC Porto há 15 anos, desde janeiro de 2005, quando bateu os portistas por 3-1, no Dragão.

Esta foi a segunda derrota dos ‘dragões’ no campeonato, a primeira em casa, depois de ter perdido na ronda inaugural da prova, no reduto do Gil Vicente.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler