loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

João Pedro Sousa atribui 11 a Famalicão pelo desempenho na primeira metade da Liga

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Outras Notícias

Sondagem

Com a vitória do FC Porto frente ao Benfica o campeonato está relançado?

O treinador do Famalicão, João Pedro Sousa, admitiu hoje que, de 0 a 10, o plantel famalicense «merece nota 11» pelo desempenho na primeira metade da I Liga de futebol.
João Pedro Sousa atribui 11 a Famalicão pelo desempenho na primeira metade da Liga

O técnico revelou-se bastante satisfeito com o trabalho conseguido pelo grupo e assumiu que quer dar seguimento ao que foi feito até agora.

"Dou nota 11. Foi uma primeira metade muito boa. Na primeira volta, só estivemos durante uma jornada abaixo do quarto lugar e estivemos muitas semanas no primeiro lugar. Estou muito contente com o que temos conseguido, agora não podemos pensar que as coisas estão terminadas. Temos muito para fazer e ainda temos uma meia-final da Taça para disputar que é muito importante para nós", começou por dizer o técnico, que acredita que esta onda de sucesso do Famalicão é para continuar.

Sobre o adversário da 18.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, João Pedro Sousa disse estar à espera de dificuldades impostas pelo Santa Clara, apesar de vir de uma série de resultados menos bons.

"É uma equipa que vem de alguns resultados difíceis. Contudo, atendendo à qualidade do plantel, da equipa técnica e da ideia de jogar, estou em crer quer vão voltar rapidamente às vitórias. Cabe-nos, a nós, adiarmos esse regresso. Na última jornada, o Santa Clara fez um jogo muito competente em Guimarães e é isso que esperamos, um Santa Clara que vem de uma alteração do esquema tático e que em Guimarães mostrou ter comportamentos diferentes, conseguindo anular, em determinados períodos do jogo, uma equipa forte como é o Vitória. O Santa Clara vai tentar dificultar ao máximo a ligação da primeira para a segunda fase, com o losango a tentar limitar os espaços anteriores, mas trabalhámos durante a semana para ultrapassar isso", disse.

João Pedro Sousa defendeu ainda que, no final das contas do campeonato, um "oitavo lugar não será suficiente", ainda assim, não quis falar em competições europeias.

"Se estivemos tanto tempo em primeiro lugar, se estivemos uma única jornada abaixo do terceiro lugar, temos que pensar da mesma forma para a segunda metade da prova. Não podemos pensar que o oitavo lugar será suficiente. O nosso grande objetivo é a permanência e esse vai ser cumprido, vamos lutar por fazer outros 31 pontos, mas se isso não acontecer não será, de todo, um insucesso", finalizou o treinador.

O Famalicão, terceiro classificado, com 31 pontos, recebe este domingo, às 15:00, o Santa Clara, no 14.º lugar, com 17, num encontro da 18.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler