loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

LC: Nápoles não quer jogar em Barcelona

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

O presidente do Nápoles, Aurelio De Laurentiis, manifestou-se hoje desagradado com o facto de ter de decidir em Barcelona um lugar nos quartos de final da Liga dos Campeões em futebol, destacando o recrudescer da covid-19 em Espanha.
LC: Nápoles não quer jogar em Barcelona

“Ouço muita perplexidade e medo vindos de Espanha e eles agem como se nada estivesse errado”, criticou o dirigente, que, depois do 1-1 em Itália na primeira mão, preferia resolver a passagem aos ‘quartos’ em lugar menos ameaçado pela pandemia.

Depois de, nos últimos dias, o número de infestados no país estar a crescer novamente de forma assertiva, Laurentiis diz não entender “porque é que o jogo deve permanecer numa cidade que está numa situação verdadeiramente crítica”.

“Se decidiram (UEFA) jogar a (fase final da) Liga dos Campeões em Portugal e a Liga Europa na Alemanha acho que poderíamos jogar lá também os oitavos de final. O que é preciso para dizer não vamos para Barcelona, mas para Portugal, Alemanha ou Genebra?”, insistiu.

A aumentar o alarme, o facto de futebolistas do Real Madrid, Sevilha e Saragoça terem testado positivo nos últimos dias no sétimo país do mundo mais afetado, com 28.436 mortos e mais de 282 mil casos de infeção.

O encontro decisivo estava previsto para 18 de março, contudo a pandemia da covid-19 interrompeu todas as competições desportivas: agora será disputado a 08 de agosto.

“O jogo está programado para decorrer em Barcelona como o planeado. Estamos a monitorizar a situação e em contacto com as autoridades locais competentes”, serenou a UEFA, em declarações à agência Lusa.

O Real Madrid desloca-se a Manchester para defrontar o City a 07 de agosto, enquanto na Liga Europa o Sevilha jogará com a Roma em Duisburgo, Alemanha.

A pandemia de covid-19 obrigou a suspender a competição durante vários meses, com a UEFA a decidir realizar uma inédita 'final a oito’ em Lisboa, com quartos de final, meias-finais e final a apenas uma mão, entre 12 e 23 de agosto.

Ainda faltam disputar quatro embates da segunda mão dos oitavos de final: Manchester City-Real Madrid (2-1, na primeira mão), Juventus-Lyon (0-1), Bayern Munique-Chelsea (3-0) e FC Barcelona-Nápoles (1-1).

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 667 mil mortos e infetou mais de 17 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página