loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Taça de Portugal: Final «corta» circulação à volta do Estádio Cidade de Coimbra

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

A circulação de pessoas e veículos em torno do Estádio Cidade de Coimbra vai estar impedida no sábado, a propósito da final da Taça de Portugal em futebol entre FC Porto e Benfica.
Taça de Portugal: Final «corta» circulação à volta do Estádio Cidade de Coimbra

A partir das 15:00 de sábado e até ao final da Taça de Portugal vai ser imposta uma "restrição total de circulação de pessoas e veículos em torno do estádio", de forma a garantir que não haja concentração de pessoas naquela zona devido à pandemia da covid-19, afirmou hoje o Comando Distrital de Coimbra da PSP, em nota de imprensa enviada à agência Lusa.

Essa restrição irá decorrer em concreto "a partir do cruzamento da Rua General Humberto Delgado com a Rua D. Manuel I e até ao cruzamento da Rua Dom João III com a Rua General Humberto Delgado", acrescentou a PSP.

A PSP vai também impor uma restrição de estacionamento na Rua D. Manuel I, já a partir de sexta-feira.

"A PSP de Coimbra apela a que todas as pessoas, residentes e não residentes, evitem a circulação em toda a área envolvente ao estádio", vincou.

Na nota, o Comando Distrital refere que, apesar de ser um jogo sem espetadores, "espera-se que se desloquem à cidade grupos organizados de adeptos e que o evento atraia pessoas a locais adjacentes à sua realização".

"Face a esta realidade, é necessário acautelar as condições de segurança dos intervenientes na competição e das pessoas que vivem e visitam a cidade, pelo que a PSP está a empenhar um conjunto ajustado de esforços e de recursos, que se materializa numa operação de segurança que envolve diferentes valências da Polícia de Segurança Pública", salientou.

Na operação, estarão mobilizados, entre outros, o Corpo de Intervenção, o Centro de Inativação de Engenhos Explosivos, o Grupo Operacional Cinotécnico e Meios Aéreos da Unidade Especial de Polícia.

"Além das questões relacionadas com a ordem pública e com a prevenção da ocorrência de eventuais crimes de furto e de ofensas à integridade física, a PSP irá dar uma particular atenção ao compromisso institucional de prevenir e dissuadir outros comportamentos de risco, nomeadamente no contexto da prevenção da covid-19", disse.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página