loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Vitória de Setúbal espera fim do estado de contingência para marcar AG

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

A Mesa da Assembleia Geral do Vitória de Setúbal aguarda o levantamento do estado de contingência para convocar uma reunião magna, para ratificar a hipoteca dos terrenos doados pela câmara setubalense, como garantia do pagamento de dívidas fiscais.
Vitória de Setúbal espera fim do estado de contingência para marcar AG

"A Mesa da Assembleia Geral [MAG] recebeu, em 31 de julho último, o pedido da Direção de convocação de uma Assembleia Geral, com caráter de urgência, com vista à ratificação dos atos de gestão do presidente da Direção, na aceitação da doação e oneração (hipoteca) de 65 lotes de terreno doados pela Câmara Municipal de Setúbal ao Vitória Futebol Clube, destinados a serem hipotecados, como garantia de pagamento de dívidas fiscais da SAD", informa o comunicado emitido pela MAG do Vitória de Setúbal.

No texto, assinado pelo presidente daquele órgão, Cândido Casimiro, refere-se que a cidade de Setúbal está integrada na área metropolitana de Lisboa e, por isso, sujeita ao estado de contingência no âmbito do combate à pandemia de covid-19, razão pela qual foi pedida à Direção-Geral da Saúde (DGS) autorização para a realização da assembleia e medidas a tomar na mesma.

No entanto, a resposta da DGS foi negativa, decisão perante a qual a MAG diz conformar-se, mas alerta para o facto de a Direção Distrital de Finanças de Setúbal ter exigido a apresentação do registo definitivo dessa hipoteca, apesar de esta já estar registada, ainda que provisoriamente, a seu favor, o que só é possível com a deliberação e ratificação da Assembleia Geral.

"Vamos aguardar que o estado de contingência seja levantado, o que se prevê para meados do mês, para então, cessado o justo impedimento, fazermos a convocação para nos encontrarmos em Assembleia Geral para discutir e encontrar soluções que melhor sirvam o nosso Vitória", indica o comunicado da MAG sadina.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 694 mil mortos e infetou mais de 18,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.739 pessoas das 51.681 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da DGS.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página