loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Covid-19: Cabo Verde com mais 45 casos novos e total de infeções sobe para 2.734

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

Cabo Verde registou 45 novos casos do novo coronavírus, nas ilhas de Santiago e do Sal, aumentando para 2.734 o total acumulado de infeções no país, anunciou hoje o Ministério da Saúde.
Covid-19: Cabo Verde com mais 45 casos novos e total de infeções sobe para 2.734

Em comunicado, aquele ministério cabo-verdiano adiantou que os laboratórios de virologia do país analisaram 336 amostras nas últimas 24 horas, das quais 45 deram resultado positivo.

A maioria dos casos positivos foram registados na ilha de Santiago (37), distribuídos pelos concelhos da Praia (24), Ribeira Grande (4), São Salvador do Mundo (3), São Miguel e Santa Cruz (2 cada) e São Domingos e Santa Catarina (1 cada).

Os outros oito casos foram diagnosticados da ilha do Sal, a outra das três ilhas – tal como São Nicolau - com casos ativos da doença no arquipélago.

O Ministério da Saúde e da Segurança Social informou ainda que o país registou mais 45 doentes recuperados, perfazendo um total de 2.010 pessoas com alta hospitalar.

Já os doentes ativos são 695, com o país a continuar a registar 27 óbitos, dois doentes transferidos, de um total acumulado de 2.734 casos positivos acumulados de covid-19 desde 19 de março.

Em África, há 21.050 mortos confirmados em mais de 976 mil infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 708 mil mortos e infetou mais de 18,8 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página