loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Jorge Jesus: «Só nós criámos oportunidades de golo»

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

Declarações de Jorge Jesus após o jogo PAOK–Benfica (2-1), da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões de futebol, disputado hoje no Estádio Toumba, em Salónica.
Jorge Jesus: «Só nós criámos oportunidades de golo»

Jorge Jesus (treinador do Benfica): “Só nós criámos oportunidades de golo. O PAOK, praticamente, não fez um remate na primeira parte. Na segunda parte, dividimos mais o jogo, já deixámos sair a jogar com alguma facilidade no contra-golpe.

Eles [gregos] têm um miúdo muito agressivo no um contra um e acabaram por entrar dentro da nossa última linha com duas diagonais, que matou em termos de resultado. O Benfica teve muita qualidade ofensivamente, mas não conseguimos fazer golos. O guarda-redes também tem mérito, tirou-nos dois ou três golos.

Temos que nos preparar para o próximo jogo, a primeira jornada do campeonato em Famalicão. Vamos analisar o que fizemos de melhor no jogo de hoje e tirar algumas coisas muito positivas. A única coisa negativa que vou tirar deste jogo é o resultado e o facto da equipa ainda não estar numa organização defensiva tão forte como eu quero.

É um passo atrás, porque saímos da ‘champions’. Era um sonho chegar o mais longe possível. Sabemos que nesta competição o Benfica era uma equipa que podia fazer coisas interessantes. A desilusão é o resultado, mas não aquilo que a equipa jogou. Os melhores são aqueles que marcam mais e sofrem menos.

Estamos aqui há cinco semanas e temos muito trabalho para fazer. Não demonstrámos no resultado, mas somos melhores do que o PAOK.”

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página