loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Casa Pia anuncia três casos positivos fora do plantel

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

O Casa Pia, clube que milita na II Liga de futebol profissional, anunciou hoje ter detetado três casos positivos de covid-19, garantindo que as pessoas infetadas não têm contacto regular com o plantel.
Casa Pia anuncia três casos positivos fora do plantel

“O Casa Pia Atlético Clube informa que foram detetados três casos positivos nos testes de diagnóstico da covid-19 na passada sexta-feira, dia 25 de setembro, realizados a todo o plantel, equipa técnica e ‘staff’ do futebol profissional, bem como aos membros do clube e prestadores de serviços que têm contacto direto com o plantel. Informa-se, que os três casos identificados, não têm contacto regular e próximo com o plantel”, pode ler-se no comunicado.

O documento assinado por Ângelo Pereira, presidente da Mesa da Assembleia Geral dos ‘gansos’, salienta ainda que os “elementos encontram-se bem, assintomáticos, e a cumprir isolamento nas condições contempladas no plano de contingência predefinido, seguindo as normas da DGS e contando com o total apoio do clube”.

Devido a esta situação, a assembleia-geral prevista para esta terça-feira, onde seria submetida a votação, entre outros, a alteração da composição da gerência da Sociedade Desportiva Unipessoal por Quotas (SDUQ), com aceitação das renúncias e designação de novos gerentes, a deliberação sobre o aumento de capital social de 250.000 €, por conversão de parte dos suprimentos do Casa Pia Atlético Clube - Ateneu Casapiano em capital da SDUQ – foi adiada para outubro em data ainda por definir.

“A Assembleia Geral Extraordinária, agendada para o próximo dia 29 de setembro, é adiada para nova data a designar no decurso do mês de outubro, decorrido o período de transmissão e incubação do SARS-CoV-2 (covid-19) e reunidas as condições sanitárias para a sua concretização. Esta decisão impõe-se na defesa dos valores da vida e da saúde dos nossos sócios, e em obediência às normas emanadas pela DGS”, concluiu o documento.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página