loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Crónica: Reviravolta em três minutos permite triunfo do Famalicão contra Belenenses SAD

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

Uma reviravolta operada em três minutos permitiu ao Famalicão vencer o Belenenses SAD por 2-1 e conquistar os primeiros pontos na edição 2020/21 da I Liga portuguesa de futebol, em jogo da segunda jornada.
Crónica: Reviravolta em três minutos permite triunfo do Famalicão contra Belenenses SAD

Depois de o colombiano Cassierra colocar o Belenenses SAD em vantagem no marcador, aos 42 minutos, uma entrada em falso dos ‘azuis’ no segundo tempo, aliada à entrada mais determinada dos famalicenses, culminou nos golos do brasileiro Riccieli, aos 52, e do argentino Valenzuela, aos 55.

Na primeira jornada, o Belenenses SAD tinha vencido 1-0 no terreno do Vitória de Guimarães e o Famalicão tinha perdido 5-1 com o Benfica, o que coloca as duas formações empatadas no lote dos quintos classificados, com três pontos somados.

A equipa de Petit, que apenas alterou Bruno Ramires por Cauê no ‘miolo’, sabia o que tinha de fazer no primeiro tempo, no qual conseguiu com mérito condicionar a construção de jogo famalicense e, a espaços, conseguiu incomodar a baliza de Zlobin, com as tentativas de Rúben Lima (sete minutos), Miguel Cardoso (12) e Cafú Phete (39).

Apesar das investidas do Belenenses SAD, estas revelaram-se inconsequentes até aos 42 minutos, quando Cassierra se antecipou ao primeiro poste a Riccieli e respondeu com um cabeceamento letal ao cruzamento de Miguel Cardoso, combatendo alguma da inércia verificada nos primeiros 45 minutos e levando os ‘azuis’ em vantagem para o descanso.

O que o Belenenses SAD fez bem no primeiro período parece que esqueceu no regresso dos balneários, oferecendo espaços aos famalicenses que anteriormente não tinham sido concedidos, o que se tornou fatal para os lisboetas, que viram os comandados de João Pedro Sousa operar a reviravolta no espaço de três minutos.

Primeiro, foi Riccieli, aos 52, na sequência de um canto, a resgatar uma bola vinda do avançado Rúben del Campo (a substituir Toni Martínez, que nem constou da ficha de jogo, quando se fala de uma possível transferência para o FC Porto) e a 'disparar' junto à pequena área para o empate.

Depois de o videoárbitro confirmar o tento da igualdade, um erro crasso da defesa ‘azul’ permitiu o segundo dos nortenhos, aos 55, com Cafú Phete a deixar a bola e Valenzuela escaparem. O argentino, completamente sozinho, levou a melhor sobre André Moreira.

A apatia dos primeiros minutos da segunda parte obrigou Petit a abdicar do sistema de três centrais para almejar a aproximação à baliza de Zlobin com mais homens em zonas avançadas do terreno, mas o melhor que conseguiu foi um remate do ‘capitão’ Silvestre Varela, aos 75, que dominou, ajeitou e rematou, mas para boa defesa do guarda-redes russo.

Ameaças de Afonso Sousa (78), à figura de Zlobin, e de Miguel Cardoso (80), por cima, foram as últimas investidas do Belenenses SAD, que não mais conseguiu aproximar-se com perigo da área adversária nos instantes finais da partida.

Programa da jornada:

Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020
Sp. Braga - Santa Clara, 0 - 1

Sábado, 26 de Setembro de 2020
Marítimo - Tondela, 2 - 1
Benfica - Moreirense, 2 - 0
Boavista - FC Porto, 0 - 5

Domingo, 27 de Setembro de 2020
Farense - Nacional, 0 - 1
Gil Vicente - Portimonense, 1 - 0
Paços Ferreira - Sporting, 0 - 2
Rio Ave - V. Guimarães, 0 - 0

Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020
B SAD - Famalicão, 1 - 2

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página