loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

LE: Braga, com Galeno inspirado, entra com pé direito, tal como o Tottenham, de Mourinho

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O Sporting de Braga, com Galeno inspirado, estreou-se hoje na Liga Europa de futebol com um triunfo por 3-0 sobre os gregos do AEK, tal como o Tottenham, de José Mourinho, na receção ao LASK Linz, carrasco' do Sporting.
LE: Braga, com Galeno inspirado, entra com pé direito, tal como o Tottenham, de Mourinho

A equipa do Braga não podia ter melhor estreia no grupo G da Liga Europa pela eficácia que demonstrou no aproveitamento dos erros da equipa grega e das oportunidades que desfrutou, mas é preciso destacar a exibição do brasileiro Galeno, que fez a diferença nos dois primeiros golos da formação minhota.

No primeiro, ao marcar um grande golo à beira do intervalo, de cabeça, a cruzamento de Esgaio, numa altura muito importante depois de uma primeira parte muito difícil e na qual a equipa bracarense não tinha criado oportunidades flagrantes de golo.

No segundo golo, Galeno protagonizou uma jogada magistral, daquelas que fazem a diferença, ao arrancar do meio-campo, passando por vários adversários e a oferecer o golo a Paulinho, com um passe perfeito, numa altura, aos 78 minutos, em que o Braga passava por dificuldades para segurar o 1-0 face à pressão dos AEK para chegar ao empate.

A equipa de Carlos Carvalhal ainda chegou ao terceiro golo, a ‘cereja em cima do bolo', a encerrar um resultado que não traduz o equilíbrio e as dificuldades que o Braga sentiu para vencer esta equipa grega.

De destacar que o AEK iniciou o jogo com dois jogadores portugueses no onze, o lateral esquerdo Hélder Lopes e o avançado Nélson Oliveira, internacional luso.

No outro jogo do grupo, o Leicester, favorito a passar à fase seguinte, tal como o Braga, também venceu pelo mesmo resultado na receção aos ucranianos do Zorya Luhansk.

De destacar a vitória do Tottenham, ainda que esperada, no seu estádio, por 3-0, perante os ‘carrascos' do Sporting na Liga Europa, os austríacos do LASK Linz, numa partida do grupo J, em que o avançado emprestado pelo Benfica, Carlos Vinícius, esteve em bom plano com duas assistências de muita qualidade para dois dos golos.

A primeira, aos 18 minutos, numa desmarcação no momento certo para dentro da área e o passe com conta, peso e medida para o brasileiro Lucas marcar isolado frente ao guardião austríaco.

A segunda também foi de grande qualidade, já na fase final da partida, aos 84 minutos, mas esta de cabeça, após um cruzamento do flanco direito, com Vinícius a perceber a movimentação de Heung-Min Son e a colocar-lhe a bola no pé para finalizar na cara do guarda-redes adversário.

O segundo golo do Tottenham resultou de um autogolo do defesa Andrés Andrade do LASK Linz, aos 27 minutos.

Para o mesmo grupo J, os búlgaros do Ludogorets perderam em casa por 2-1 frente aos belgas do Antuérpia.

Os italianos do AC Milan, que tanta dificuldade tiveram para eliminar o Rio Ave no ‘play-off' de acesso à fase de grupos, foram à Escócia vencer o Celtic, por 3-1, em jogo do grupo H, no qual o destaque maior vai para a vitória do Lille, com o internacional português José Fonte no ‘onze’, em Praga, frente aos checos do Sparta, por 4-1.

A expulsão precoce do médio checo Ladaslav Krejci logo aos 23 minutos, por derrube a um adversário que caminhava isolado para a sua baliza, facilitou a vida aos franceses, em cuja equipa emergiu o médio turco Yusuf Yazici, autor de um ‘hat-trick'.

No ‘banco' dos gauleses estiveram dois portugueses, o central Tiago Djaló e o médio Renato Sanches, que viu um cartão amarelo sem ter entrado no campo, por comportamento incorreto, aos 53 minutos.

No grupo I, o jogo Villarreal-Sivasspor teve nada menos do que oito golos, na vitória dos espanhóis sobre os turcos por 5-3, enquanto os israelitas do Maccabi Telavive sentiram grandes dificuldades para levar de vencida dos azeris do Qarabag, como a vitória por 1-0 deixa perceber.

No grupo K, todas as equipas seguem com um ponto fruto dos dois empates, o primeiro a um golo na receção dos austríacos do Wolfsberger aos russos do CSKA Moscovo e o segundo, um nulo, entre o Dínamo Zagreb e os holandeses do Feyenoord, em casa dos croatas.

Finalmente, no grupo L os alemães do Hoffenheim confirmaram o favoritismo ao vencerem na receção aos sérvios do Estrela Vermelha por 2-0, enquanto os checos do Liberec fizeram valer o fator casa para se imporem as belgas do Gent por 1-0.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página