loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Benfica/Eleições: Manuel Damásio defende uma «saída digna» para Luís Filipe Vieira

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

Manuel Damásio, antigo presidente do Benfica, defendeu hoje que Luís Filipe Vieira deve cumprir mais um mandato como presidente e ter assim uma «saída digna» depois do que fez pelo clube.
Benfica/Eleições: Manuel Damásio defende uma «saída digna» para Luís Filipe Vieira

"Temos de dar valor às pessoas que, em alturas de grandes dificuldades, lutaram pelo clube. Luís Filipe Vieira merece uma saída digna e estamos todos a apoiá-lo", disse Manuel Damásio depois de ter votado.

Sobre as outras listas que se apresentaram a estas eleições, Manuel Damásio elogiou alguns dos seus membros pela sua competência, mas lembrou que se hoje o Benfica é "apetecível" o deve ao atual presidente, Luís Filipe Vieira.

"O Benfica está diferente e por isso temos de dar valor a quem tornou o Benfica diferente e apetecível", disse o membro da comissão de honra de Vieira.

Quanto às acusações da candidatura de Noronha Lopes sobre irregularidades no processo de votação eletrónica, Damásio desvalorizou-as e recordou que "a história do Benfica é rica em democracia".

"Respeito as outras candidaturas, mas hoje não vêm trazer nada de novo ao Benfica. Luís Filipe Vieira merece estes quatro anos e sair sem ser empurrado", defendeu Manuel Damásio.

O Benfica elege hoje o novo presidente do clube, numas eleições em que Luís Filipe Vieira se candidata a um sexto mandato, frente a João Noronha Lopes e Rui Gomes da Silva.

As eleições, que decorrem no Pavilhão n.º 2 do Estádio da Luz, em Lisboa, entre as 08:00 e as 22:00, e em 24 casas do clube, vão definir os órgãos sociais para o quadriénio de 2020/2024, e estão entre as mais concorridas de sempre.

Na história do clube é apenas a sétima vez que concorrem três listas à liderança, e apenas não existe o recorde de quatro porque a candidatura da Lista C, encabeçada por Luís Miguel David, e proposta por Bruno Costa Carvalho, se retirou.

Hoje, os benfiquistas vão escolher entre a lista A de Luís Filipe Vieira, de 71 anos, o presidente em exercício e a pessoa com mais tempo na liderança do Benfica, há 17 anos, desde 2003, e os antigos vice-presidentes Noronha Lopes e Rui Gomes da Silva.

João Noronha Lopes, de 54 anos, gestor, iniciou a sua participação ativa no clube ainda em 2000, quando fez parte de um movimento que impulsionou a chegada de Manuel Vilarinho à liderança, então numa fase crítica na vida do emblema lisboeta, derrotando Vale e Azevedo.

O candidato da lista B foi ‘vice' de Vilarinho, e Rui Gomes da Silva (lista D), advogado e antigo ministro, de 62 anos, ex-hoquista do clube, foi ‘vice' de Luís Filipe Vieira entre 2009 e 2016, mas do qual se tornou crítico.

Em 2016 foram 13.257 os sócios que votaram e deram a reeleição a Luís Filipe Vieira, num ato eleitoral a que se apresentou sozinho, enquanto o recorde foi registado em 2012, num ano em que votaram 22.676 sócios e em que, além de Vieira, também Rui Rangel se apresentou a votação.

O sufrágio de hoje - que manterá Luís Filipe Vieira como 33.º presidente ou elegerá um 34.º, entre Noronha Lopes e Gomes da Silva - será feito por voto eletrónico, num ato antecipado em dois dias, devido à proibição de circulação de pessoas entre concelhos, como medida de combate à pandemia de covid-19.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página