loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Belenenses quer parte dos fundos comunitários atribuídos ao desporto

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O Belenenses vai falar com as federações desportivas para se «unirem e exigirem ao Governo» a atribuição de parte dos fundos comunitários atribuídos a Portugal, anunciou hoje o presidente do clube lisboeta, Patrick Morais de Carvalho.
Belenenses quer parte dos fundos comunitários atribuídos ao desporto

“O Belenenses irá falar com todos os presidentes de todas as federações desportivas, no sentido de se unirem e exigirem ao Governo que, dos 45 mil milhões de euros que a Europa anunciou para Portugal para o apoio à retoma, possa reverter uma parte para os clubes”, escreveu o presidente do clube do Restelo, na página pessoal no Facebook.

Patrick Morais de Carvalho pediu a outros clubes e associações distritais que apelem a uma “sensibilização governamental”, pois acredita que, “caso contrário, o efeito será devastador nos clubes, de Norte a Sul do país”.

A direção do Belenenses já tinha emitido um comunicado, publicado no sítio oficial na Internet, em que lamentou as medidas restritivas decretadas pelo Governo no âmbito do combate à pandemia de covid-19, “sem qualquer critério percetível”.

“O Clube de Futebol ‘Os Belenenses’ lamenta que este tipo de deliberações seja tomado sem qualquer critério percetível, na madrugada de uma sexta-feira e a poucas horas do início de jogos, quando poderiam ser decididas atempadamente e respeitando os clubes”, expressou.

A suspensão das competições desportivas amadoras “coloca em causa compromissos pessoais e profissionais de inúmeros atletas e provoca significativos prejuízos financeiros (nomeadamente com viagens, organização de jogos, policiamento, ambulâncias, etc.) a instituições que se substituem ao Estado no fomento da prática desportiva e que têm vindo a demonstrar um comportamento exemplar e conforme às normas da Direção-Geral da Saúde”.

Os jogos das competições desportivas amadoras marcados para o fim de semana foram cancelados, devido às restrições impostas para evitar a propagação do novo coronavírus, mantendo-se a calendarização das I e II Ligas de futebol.

O Conselho de Ministros determinou, em 22 de outubro, a limitação de circulação entre concelhos do continente entre as 00:00 de hoje e as 06:00 de terça-feira.

A pandemia de covid-19 já tinha levado à suspensão das competições de futebol, em 12 de março, tendo a I Liga sido retomada em 03 de junho, e ao cancelamento das competições seniores das modalidades de pavilhão, sendo que as camadas jovens ainda não retomaram as provas.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página