loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Covid-19: Angola sobe para 10.558 casos com 289 novas infeções

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

Angola registou desde quinta-feira quatro mortes devido à covid-19 e 289 infeções, além de 371 pessoas recuperadas, um número recorde, anunciou hoje o secretário de Estado angolano para a Saúde Pública, Franco Mufinda.
Covid-19: Angola sobe para 10.558 casos com 289 novas infeções

Franco Mufinda informou que os novos casos foram reportados em Luanda (56), Malanje (62), Zaire (41), Cunene (17), Benguela (11) e Cuando Cubango (2).

As idades variam entre 2 e 80 anos, sendo 210 de sexo masculino e os restantes de sexo masculino.

Foram registadas quatro mortes por covid-19 em Luanda, de três doentes de sexo masculino e um feminino, com idades de 2 meses, 40, 68 e 75 anos.

Por outro lado, foram recuperadas 371 pessoas, um número recorde até à data.

Com o balanço epidemiológico hoje divulgado, Angola passou a um total de 10.558 casos, com 279 óbitos, 4.107 recuperados e 6.172 ativos, incluindo 16 críticos e 29 graves.

Os laboratórios angolanos processaram 2.352 amostras nas últimas 24 horas, num total de 155.153 testes.

A taxa de positividade diária de 12.3% e cumulativa de 6.8%.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 45,1 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em África, há 42.336 mortos confirmados em mais de 1,7 milhões de infetados em 55 países, segundo as estatísticas mais recentes sobre a pandemia naquele continente.

Angola regista 279 óbitos e 10.558 casos, seguindo-se Cabo Verde (95 mortos e 8.694 casos), Moçambique (91 mortos e 12.525 casos), Guiné Equatorial (83 mortos e 5.083 casos), Guiné-Bissau (41 mortos e 2.413 casos) e São Tomé e Príncipe (16 mortos e 944 casos).

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página