ESC ONLINE

FC Porto renova com os guarda-redes Francisco Meixedo e Ricardo Silva até 2023

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O FC Porto anunciou hoje a renovação até 2023 dos contratos dos guarda-redes Francisco Meixedo, de 19 anos, e Ricardo Silva, da equipa B, de 21.
FC Porto renova com os guarda-redes Francisco Meixedo e Ricardo Silva até 2023

“É um sentimento de felicidade máxima, estou muito feliz mesmo. É um privilégio para mim continuar a vestir a camisola deste clube que represento desde pequeno, já há 12 anos. O FC Porto sempre me fez crescer como jogador e como homem, sempre me trataram bem. Vou continuar a trabalhar, como sempre fiz, e juntos vamos lograr grandes feitos”, disse Meixedo, à FC Porto TV e Porto Canal.

O atleta de 1,88 metros já se sagrou campeão nacional e europeu de sub-19, sendo internacional português nos escalões de sub-17, sub-18 e sub-19, integrando regularmente os trabalhos da equipa principal do FC Porto.

“Com o Marchesín, o Cláudio (Ramos), o Diogo (Costa) e o Mbaye, que está lesionado, formamos um excelente grupo. Temos um grupo, dentro do que é a equipa, o dos guarda-redes, em que se inclui o (treinador) Diamantino Figueiredo, que é espetacular. Puxamos e lutamos uns pelos outros, e temos evoluído bastante juntos, e é assim que tem de ser. Sempre juntos”, acrescentou o atleta, que chegou aos ‘dragões’ aos sete anos.

Ricardo Silva vestiu a camisola azul e branca em todos os escalões de formação e é o atual guarda-redes da equipa B, somando 24 presenças na II Liga.

“É um motivo de grande orgulho renovar com o clube do meu coração. Já são muitos anos de FC Porto e, felizmente, prolongámos essa ligação por mais tempo. Estou muito feliz e é um orgulho para mim e para a minha família, que me ajudou muito a chegar aqui. Espero ficar muito mais tempo neste clube”, disse, assumindo “o sonho de jogar no Estádio do Dragão com as bancadas cheias”.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página