Síntese: Empate 1-1 na Luz mau para o Benfica e agridoce para o FC Porto

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

Benfica e FC Porto empataram hoje 1-1 na 31.ª jornada da I Liga de futebol, resultado mau para ‘encarnados’ e agridoce para ‘dragões’, que reforçaram o segundo lugar, mas deixaram o Sporting a dois pontos do título.
Síntese: Empate 1-1 na Luz mau para o Benfica e agridoce para o FC Porto

A equipa de Jorge Jesus, que tinha quatro pontos de atraso para o rival na luta pela segunda posição, marcou aos 23 minutos pelo brasileiro Everton, contudo, aos 75, o conjunto de Sérgio Conceição igualou, pelo colombiano Uribe, garantindo um resultado positivo pela 16.ª vez nas últimas 20 visitas à Luz.

O desafio teve três decisões importantes com VAR, uma das quais acabando por invalidar o golo do Benfica, por Pizzi, aos 90+2 minutos, uma vez que Darwin, no início da jogada, estava 30 centímetros em fora-de-jogo.

Este lance aconteceu pouco mais de um minuto depois de a defesa portista, com o bloco adiantado em busca do segundo golo, ter sido apanhada em contrapé e Taarabt ter rematado ao poste.

No primeiro tempo, Artur Soares Dias tinha assinalado penálti sobre Rafa, mas o avançado estava adiantado no início da jogada e, na etapa complementar, o VAR reverteu novo penálti, uma vez que foi Diogo Gonçalves a pisar Zaidu na área e não o contrário.

Quarta-feira, o Sporting tinha ganho por 2-0 na visita ao Rio Ave, com golos de Pedro Gonçalves, de penálti, aos 34 minutos, e de Paulinho, aos 63, contribuindo para um recorde da história do campeonato de 31 jogos de invencibilidade.

Nas contas do título, o Sporting comanda com 79 pontos, mais oito do que o FC Porto, com 71, e mais 12 do que o Benfica, com 67, com oito pontos de avanço para o Sporting de Braga.

O segundo lugar garante o acesso direto à Liga dos Campeões, enquanto o terceiro vale a presença na terceira pré-eliminatória da competição ‘milionária’.

Com um golo aos 45+3 minutos, do colombiano Cassierra, o Belenenses SAD venceu o Portimonense por 1-0 e garantiu praticamente a manutenção, somando agora 37 pontos, oito acima do Boavista, em lugar de ‘play-off’, mas com menos um jogo, enquanto o Portimonense está em 12.º, com 34.

O lanterna-vermelha Nacional ficou mais próximo da descida, depois do empate 2-2 na visita ao Moreirense, num jogo em que esteve duas vezes em vantagem: tem 25 pontos e a salvação direta está - na melhor das hipóteses, uma vez que há adversários que ainda não jogaram - a seis pontos.

Os insulares estiveram no comando com um autogolo de Filipe Soares, aos 43 minutos, e um golo do hondurenho Bryan Róchez, aos 74, porém o venezuelano Nahuel Ferraresi, aos 62, e o brasileiro André Luís, aos 81, também marcaram e resgataram um ponto para os cónegos, sétimos com 37 pontos.

Quem também viu a sua situação piorar foi o Farense, que manteve o penúltimo lugar, agora com 28 pontos, e que, em vantagem numérica desde os 51 minutos, por expulsão de Suliman, permitiu o empate do Vitória de Guimarães já nos descontos, com os minhotos a ficarem a sete pontos do quinto lugar do Paços de Ferreira.

Rochinha, aos dois minutos, deu vantagem prematura aos forasteiros, Pedro Henriques consumou a reviravolta com tentos aos 12 e 27 minutos, com o resultado final a ficar sentenciado em cabeceamento de Ricardo Quaresma, aos 90+1.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página