Benfica-Sporting: Rúben Amorim venceu duas vezes as 'águias' em três jogos

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O treinador Rúben Amorim, novo campeão nacional de futebol, soma dois triunfos em três jogos face ao Benfica na sua curta carreira de treinador e já ganhou no Estádio da Luz, ao comando do Sporting de Braga.
Benfica-Sporting: Rúben Amorim venceu duas vezes as 'águias' em três jogos

Em 15 de fevereiro de 2020, os ‘arsenalistas’ deslocaram-se ao Estádio da Luz, para a ronda 21 da I Liga e ganharam por 1-0, graças a um golo nos descontos da primeira parte, apontado por João Palhinha, de cabeça, na sequência de um canto.

Palhinha, como Amorim, ficaram para a história, pois tratou-se na primeira vitória bracarense na Luz para o campeonato desde a longínqua época de 1954/55 – então, em 24 de outubro de 1954, o ‘herói’ do 0-1 tinha sido Imbeloni.

Curiosamente, o médio defensivo também foi protagonista no segundo triunfo de Rúben Amorim face ao Benfica, neste caso por outros motivos, porque não devia ter jogado, uma vez que tinha visto o quinto amarelo na I Liga na ronda anterior.

O Sporting acabou, porém, por recorrer aos tribunais e conseguir que Palhinha pudesse participar no jogo, sendo que começou do banco o embate da 16.ª jornada, disputado em 01 de fevereiro, no Estádio José Alvalade.

Palhinha entrou aos 61 minutos, em substituição de João Mário, e acabou por ser importante, a segurar o meio-campo e a permitir a subido no terreno de Matheus Nunes, que viria a marcar o golo da vitória ‘leonina’ já nos descontos, aos 90+2.

Amorim contabiliza vitórias no primeiro e no último jogo com o Benfica, mas, pelo meio, perdeu por 2-1 na Luz, o seu primeiro ‘dérbi’ como treinador do Sporting, que, com este desaire, deixou fugir o terceiro lugar do campeonato.

Na 34.ª e última jornada da I Liga 2019/20, que terminou apenas no final de julho, culpa da pandemia da covid-19, o Sporting precisava de pontuar na Luz para segurar o terceiro lugar, já que tinha o Sporting de Braga a três pontos.

Em 25 de julho, os ‘arsenalistas’ fizeram a sua parte, difícil, ao vencerem em casa o já campeão FC Porto, por 2-1, enquanto os ‘leões’ claudicaram na Luz, frente a um Benfica sem hipóteses de sair do segundo lugar, e deixaram fugir o pódio.

O Sporting falhou, assim, o acesso direto à fase de grupos da Liga Europa, sendo obrigado a disputar as pré-eliminatórias, que acabaram por ser fatais aos ‘leões’, afastados no ‘play-off’ pelo LASK Linz (1-4 em casa). Um mal que terá vindo por bem.

Os ‘verde e brancos’ ainda ameaçaram pontuar na Luz, quando, aos 69 minutos, o esloveno Sporar restabeleceu a igualdade, ‘anulando’ o tento inaugural, do suíço Seferovic, aos 28.

A formação comandada por Nélson Veríssimo, que fechou a época dos ‘encarnados’ depois da saída de Bruno Lage, acabaria por chegar ao triunfo aos 88 minutos, pelo brasileiro Vinícius, num tento inicialmente anulado, por fora de jogo, que o VAR corrigiu.

O encontro entre o Benfica, terceiro classificado, e o já campeão e ainda invicto Sporting, da 33.ª e penúltima jornada da I Liga de futebol de 2020/21, está marcado para sábado, no Estádio da Luz, em Lisboa, pelas 18:00.

Programa da jornada:

Sexta-feira, 14 de Maio de 2021
Paços Ferreira - Gil Vicente, 0 - 2
Sp. Braga - Moreirense, 2 - 1

Sábado, 15 de Maio de 2021
Boavista - Portimonense, 1 - 0
Farense - Tondela, 1 - 0
Benfica - Sporting, 4 - 3
Rio Ave - FC Porto, 0 - 3

Domingo, 16 de Maio de 2021
Famalicão - Nacional, 3 - 0
B SAD - Santa Clara, 0 - 2
Marítimo - V. Guimarães, 0 - 0

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página