Covid-19: Espanha regista 6.347 novos casos e 58 mortes nas últimas 24 horas

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

A Espanha registou 6.347 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 3.604.799 o total de infetados até agora, continuando o número de contágios a descer, segundo o Ministério da Saúde espanhol.
Covid-19: Espanha regista 6.347 novos casos e 58 mortes nas últimas 24 horas

Os serviços sanitários também notificaram mais 58 mortes atribuídas à pandemia desde quinta-feira, passando o total de óbitos para 79.339.

A incidência acumulada (contágios) continuou hoje a baixar, passando de 166 (quinta-feira) para 162 casos diagnosticados por cada 100.000 habitantes nos 14 dias anteriores.

As comunidades autónomas com os níveis mais elevados são as do País Basco (335), Madrid (256), Aragão (249) e Navarra (221).

Nas últimas 24 horas, deram entrada nos hospitais de todo o país 702 pessoas com a doença (706 na quinta-feira), das quais 167 em Madrid, 137 na Catalunha e 133 na Andaluzia.

Por outro lado, desceu para 7.088 o número de hospitalizados com covid-19 (7.375), o que corresponde a 5,6% das camas, dos quais 1.899 pacientes estão em unidades de cuidados intensivos (1.931), o que corresponde a 19,2% das camas desses serviços.

A Espanha goza, a partir de hoje, o seu primeiro fim de semana em seis meses sem estar em estado de emergência e com a maior parte das cercas sanitárias levantadas, o que permite, entre outras coisas, viajar entre as comunidades autónomas.

Sem a necessidade de justificar as viagens entre regiões, muitos espanhóis fizeram as malas e estão a viajar, principalmente de carro, para outra comunidade, tendo a Direcção-Geral de Tráfego (DGT) registado um aumento das partidas de Madrid de até 42% em relação à semana passada.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.333.603 mortos no mundo, resultantes de mais de 160,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página