loading

Taça de Portugal: Leixões vence São João de Ver na Taça de Portugal após prolongamento

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem merece vencer a Bola de Ouro?

O Leixões venceu hoje o São João de Ver, por 3-1, no prolongamento do jogo da segunda eliminatória da Taça de Portugal de futebol, depois de ter permitido o empate nos descontos do tempo regulamentar.
Taça de Portugal: Leixões vence São João de Ver na Taça de Portugal após prolongamento

Jefferson Encada colocou o Leixões em vantagem aos 48 minutos, com a equipa da casa a chegar à igualdade, por Adul Seidi, no período de compensação do tempo regulamentar (90+4), forçando o prolongamento, fase em que os golos de Ben (117) e Sapara (120) sentenciaram a passagem dos ‘pupilos’ de José Mota à terceira eliminatória.

Apesar do início de jogo impetuoso do Leixões, foi o São João de Ver a criar a primeira oportunidade de perigo, num remate cruzado de Diogo Pereira, aos sete minutos, com a bola a sair perto do poste de Stefanovic.

A resposta dos matosinhenses surgiu aos 16 minutos, quando Léo Bolgado surgiu livre de marcação no coração da área, mas rematou à figura do guarda-redes Fábio Mesquita.

A melhor oportunidade de golo da primeira parte acabou por pertencer ao São João de Ver, num remate de Miguel Pereira que Ben cortou em cima da linha de baliza, com a bola ainda a embater na trave, aos 21 minutos.

Depois de um ligeiro ascendente na primeira parte, o Leixões colocou-se em vantagem no início do segundo tempo, com Jefferson Encada a dar a melhor sequência a um cruzamento de Ayimbire na esquerda, cabeceando com eficácia para o fundo da baliza de Fábio Mesquita, aos 48 minutos.

Em desvantagem, o São João de Ver foi mais pressionante e dispôs de uma grande penalidade que castigou mão na bola de Pastor, mas Miguel Silva desperdiçou a oportunidade para empatar o jogo, permitindo a defesa de Stefanovic, aos 71 minutos.

A equipa de Nuno Pedro acabou por chegar ao empate já em período de compensação, com Adul Seidi a cabecear com eficácia ao segundo poste, na sequência de um pontapé de canto, aos 90+4.

No prolongamento, o equilíbrio foi a nota dominante, com o São João de Ver a dispôr de uma oportunidade para se colocar na frente do marcador, quando Adul Seidi surgiu isolado na área, rematando contra o corpo do guarda-redes Stefanovic, aos 108 minutos.

O Leixões acabou por ganhar vantagem no marcador com um golo de Ben, aos 117 minutos, ao cabecear livre de marcação ao segundo poste.

A fechar o prolongamento, Sapara sentenciou o triunfo da equipa de José Mota, num remate cruzado já dentro da área.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página