loading

LC: Benfica susteve Bayern mas acabou goleado, Ronaldo volta a ‘salvar’ o United

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem merece vencer a Bola de Ouro?

O Benfica averbou hoje a primeira derrota no Grupo E da Liga dos Campeões de futebol, diante do líder Bayern Munique, numa terceira jornada na qual o português Cristiano Ronaldo foi novamente decisivo numa reviravolta do Manchester United.

LC: Benfica susteve Bayern mas acabou goleado, Ronaldo volta a ‘salvar’ o United

No Estádio da Luz, os ‘encarnados’ sustiveram durante 70 minutos o ímpeto ofensivo daquela que é, provavelmente, a melhor equipa do mundo, mas acabaram por ser goleados por 4-0, com dois golos de Leroy Sané, um de Robert Lewandowski e um autogolo do recém-entrado Everton.

Numa partida em que Manuel Neuer se tornou o quarto jogador da história do Bayern a atingir os 100 jogos na prova ‘milionária’, os bávaros somaram o terceiro triunfo em três jogos no Grupo E, o qual lideram, de forma destacada, com nove pontos.

Por seu lado, o Benfica mantém-se no segundo lugar, com quatro pontos, mas tem agora o FC Barcelona à ‘perna’, uma vez que os catalães bateram o Dinamo Kiev por 1-0, com um tento de Gerard Piqué, e têm três, mais dois do que os ucranianos, últimos colocados.

Já o Grupo F é agora liderado, de forma isolada, pelo Manchester United, com seis pontos, muito graças ao internacional português Cristiano Ronaldo, que assegurou a reviravolta dos ‘red devils’ diante da Atalanta (3-2), em Old Trafford.

Mario Pasalic e Merih Demiral, ainda na primeira parte, consumaram o 12.º jogo seguido do United a sofrer golos em casa, só que Marcus Rashford - que assinou o 300.º tento dos ‘red devils’ na ‘era’ Ole Gunnar Solskjaer -, e Harry Maguire repuseram a igualdade após assistências de Bruno Fernandes, antes de Ronaldo, aos 82 minutos, ‘faturar’ o golo do triunfo, tal como já tinha sucedido na ronda anterior, frente ao Villarreal (2-1).

Com o primeiro desaire na prova, a formação de Bérgamo foi alcançada no segundo lugar pelo Villarreal, que venceu por 4-1 no reduto do Young Boys e passou a somar os mesmos quatro pontos dos italianos, enquanto os suíços caíram para a última posição, com três.

Além do Bayern e do Villarreal, também o Chelsea aplicou uma ‘chapa quatro’, na receção ao Malmo (4-0), para o Grupo H, com tentos de Andreas Christensen, Jorginho, que converteu duas grandes penalidades, e Kai Havertz.

Os campeões europeus continuam no segundo lugar, com seis pontos, atrás da líder Juventus (nove), um dos quatro emblemas que seguem 100% vitoriosos na prova, juntamente com Bayern, Liverpool e Ajax. O sueco Dejan Kulusevski marcou, aos 86 minutos, o tento decisivo dos ‘bianconeri’ no terreno do Zenit (1-0).

O único ‘nulo’ (0-0) registado nesta terceira jornada da ‘Champions’ aconteceu em França, onde o Lille, com José Fonte, Tiago Djaló e Renato Sanches de início, e Xeka a entrar no segundo tempo, empatou com o Sevilha, resultado esse que permitiu ao Salzburgo reforçar ainda mais o primeiro lugar do Grupo G, com sete pontos.

Os austríacos bateram por 3-1 o Wolfsburgo e têm mais quatro pontos do que os espanhóis (três) e mais cinco face a franceses e germânicos, ambos com dois.

A quarta jornada da Liga dos Campeões está agendada para os dias 02 e 03 de novembro.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página