loading

Sporting: Defesa Luís Neto prolonga contrato até junho de 2023

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem vence a Liga dos Campeões 2021-2022?

Luís Neto e o Sporting prolongaram o contrato que liga o defesa central internacional português ao clube por mais uma temporada, até 30 de junho de 2023, anunciaram hoje os campeões nacionais de futebol.

Sporting: Defesa Luís Neto prolonga contrato até junho de 2023

Neto, de 33 anos, chegou aos ‘leões’ no início da temporada 2019/20, proveniente dos russos do Zenit São Petersburgo, clube no qual alinhou desde 2012/13 e que o tinha cedido durante uma época aos turcos do Fenerbahçe.

“Sei que posso continuar a ajudar muito dentro e fora de campo. Renovo por mais um ano, sabendo que sou ‘leão’ para a vida toda”, afirmou o defesa, natural da Póvoa de Varzim, que cumpriu a sua formação no emblema poveiro, tendo ainda vestido as camisolas de Nacional e dos italianos do Siena.

Com 19 internacionalizações, e presenças no Mundial2014 e na Taça das Confederações de 2017, Neto conta no seu historial com um campeonato nacional, uma Taça da Liga e uma Supertaça Cândido Oliveira, todos conquistados pelo Sporting.

Ao serviço do Zenit, celebrou dois títulos nacionais, uma Taça da Rússia e duas Supertaças.

“Sinto uma felicidade extrema. Fiquei muito feliz pela vontade demonstrada por toda a estrutura, que veio ao encontro da minha vontade de continuar a fazer parte deste projeto”, justificou o defesa-central, citado pelo clube.

Segundo o internacional português, o clube vive um “bom momento” e por isso quis prolongar “por mais um ano esta experiência e esta aventura”, quando leva 13 jogos esta época, de um total de 63 desde que chegou ao clube, em 2019.

Após a conquista do campeonato, o emblema ‘leonino’ pode ainda “melhorar” e, por isso, Neto augura ao Sporting “um grande futuro”. “Eu sou parte integrante e mais um ‘leão’ para fazer com que as coisas corram da melhor maneira”, garantiu.

Sem “nunca facilitar”, agradeceu ao presidente, Frederico Varandas, mas também ao diretor desportivo, Hugo Viana, e ao treinador, Rúben Amorim, lembrando outros jogadores experientes, do guarda-redes espanhol Adán, o capitão uruguaio Coates e o marroquino Feddal.

“Cabe-nos a nós ser o suporte e fazer com que os miúdos consigam mostrar o seu potencial, e mostrar-lhes que todos os dias é dia de fazer melhor e ganhar algo”, explicou.

Apesar de renovar por mais um ano, garantiu ainda que já é “’leão’ para a vida toda” e que o plantel vai tentar “o máximo possível em todas as competições” esta época, ainda que a postura seja a de ir “jogo a jogo”.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Na Primeira Página