loading

Crónica: Santa Clara alcança melhor série e abala recuperação do Moreirense

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem vence a Liga dos Campeões 2021-2022?

O Santa Clara alcançou hoje a melhor sequência de resultados na atual edição da I Liga de futebol, com três jogos sem perder, ao somar a primeira vitória fora ante o Moreirense, por 2-0, na 19.ª jornada.

Crónica: Santa Clara alcança melhor série e abala recuperação do Moreirense

Em Moreira de Cónegos, os golos marcados por Ricardinho, aos 45+2 minutos, e pelo iraniano Mohammad Mohebi, aos 85, abriram caminho ao primeiro triunfo de Mário Silva, no segundo desafio à frente dos açorianos, que subiram ao 10.º lugar, com 20 pontos, e vão disputar na quarta-feira uma inédita meia-final da Taça da Liga frente ao Sporting.

Já o Moreirense, que ficou em inferioridade numérica aos 84 minutos, devido à expulsão por acumulação de cartões amarelos de Steven Vitória, consentiu a primeira derrota à terceira partida com Ricardo Sá Pinto e segue na 14.ª posição, com 16 pontos.

Ainda a tentarem descobrir as melhores versões de vimaranenses e insulares, os dois treinadores fizeram um par de alterações nos respetivos ‘onzes’, mas conservaram as habituais bases táticas, resvalando a etapa inaugural para uma toada de baixo ritmo.

O Moreirense, com Gonçalo Franco ‘positivo’ ao coronavírus, Filipe Soares lesionado e Fábio Pacheco suspenso, improvisou com uma inédita dupla de médios, formada por Rúben Ismael e Ibrahima, e viu Rafael Martins atirar à figura de Marco, aos 16 minutos.

A resposta do Santa Clara, que adaptou Cristian Tassano à ala direita, face à infeção de Pierre Sagna, surgiu com clarividência aos 32 minutos, quando Cryzan, contando ainda com um desvio de Rui Costa, cabeceou perto da baliza de Kewin, após livre de Lincoln.

A crescente preocupação em limitar espaços mantinha as equipas sem rasgos ofensivos, monotonia desfeita aos 45+2 minutos por Ricardinho, que aproveitou uma combinação entre Mansur e Rui Costa na esquerda, para ‘faturar’ pela terceira jornada consecutiva.

Os minhotos estavam em desvantagem pela primeira vez sob orientação de Ricardo Sá Pinto, cuja transformação na segunda parte do ‘3-4-3’ em ‘4-4-2’, com André Luís a atuar ao lado de Rafael Martins, incutiu temporariamente maior intensidade no último terço.

Yan ainda deu a sensação de golo com um ‘tiro’ às malhas laterais, aos 56 minutos, e Ibrahima ‘aqueceu’ as luvas de Marco, aos 64, incentivando Mário Silva a recorrer a uma linha com cinco defesas para elevar a consistência sem bola e neutralizar o Moreirense.

A estratégia resultou em cheio, pois os ‘cónegos’ jamais voltaram a criar perigo e viram Steven Vitória ser expulso por derrubar Mohammad Mohebi, que, aos 85 minutos, deu a estocada final do Santa Clara, ao punir um desentendimento entre Lazar Rosic e Kewin.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Na Primeira Página