loading

Play-Off: Chaves defende vantagem frente ao Moreirense e tenta confirmar regresso à I Liga

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem está a reforçar-se melhor no mercado?

O Desportivo de Chaves, terceiro classificado da II Liga de futebol, defende uma vantagem de 2-0 no estádio do Moreirense, antepenúltimo posicionado da I Liga, no segundo jogo do ‘play-off’ de acesso ao escalão principal na próxima época.

Play-Off: Chaves defende vantagem frente ao Moreirense e tenta confirmar regresso à I Liga

Os flavienses partem para o jogo de domingo, com início às 19:30, em Moreira de Cónegos, em posição privilegiada para fecharem com ‘chave de ouro’ a temporada 2021/22, graças ao triunfo alcançado no sábado na receção ao Moreirense, por 2-0, com golos de João Teixeira, aos 15 minutos, e João Correia, aos 68.

Apesar de defrontar um adversário do escalão inferior, a equipa treinada por Ricardo Sá Pinto terá uma tarefa árdua pela frente para se manter entre os ‘grandes’ do futebol português, podendo conhecer a mesma sorte do Rio Ave no ano passado.

Na primeira edição do ‘play-off’ de manutenção/promoção à I Liga, os vila-condenses foram surpreendidos pelo Arouca, que estava na posição agora ocupada pelo Desportivo de Chaves, tendo mesmo perdido os dois encontros, por 3-0 e 2-0.

Apesar da vantagem, o treinador do Desportivo de Chaves, Vítor Campelos, foi cauteloso no fim da primeira partida: “Temos de encarar o jogo como se estivesse 0-0, porque o Moreirense é muito valoroso e provou isso. Demos uma boa resposta, mas temos ainda 90 minutos para jogar e discutir o nosso objetivo”, advertiu.

Rui Mota, técnico adjunto do Moreirense, também avisou que a sua equipa “não desiste”: “Desenganem-se que a eliminatória está resolvida, vamos dar uma grande resposta em casa. Vamos descansar, analisar e procurar a continuidade na I Liga”.

Depois de ter terminado a I Liga no 16.º e antepenúltimo lugar, apenas à frente dos despromovidos Tondela – que ultrapassou na última jornada – e Belenenses SAD, o Moreirense procura assegurar a presença na prova pela 13.ª vez, a nona consecutiva, na qual apresenta como melhor resultado o sexto lugar alcançado em 2018/19.

Para o Chaves, aquela época marcou a última ocasião em que conviveu com os principais clubes nacionais e aos quais se tenta juntar agora, mas o historial dos transmontanos é mais rico, com um total de 16 participações.

Os flavienses, que foram relegados para o terceiro lugar da II Liga na antepenúltima ronda pelo Casa Pia – promovido diretamente, a par do campeão Rio Ave -, tem como melhor resultado na primeira divisão o quinto lugar, que atingiram em 1987 e 1990.

Moreirense:
12 presenças na I Liga: 2002/03 (12.º), 2003/04 (9.º), 2004/05 (16.º), 2012/13 (15.º), 2014/15 (10.º), 2015/16 (12.º), 2016/17 (15.º), 2017/18 (15.º), 2018/19 (6.º), 2019/20 (8.º), 2020/21 (8.º) e 2021/22 (16.º).

Desportivo de Chaves:
16 presenças na I Liga: 1985/86 (6.º), 1986/87 (5.º), 1987/88 (6.º), 1988/89 (13.º), 1989/90 (5.º), 1990/91 (8.º), 1991/92 (9.º), 1992/93 (18.º), 1994/95 (14.º), 1995/96 (15.º), 1996/97 (10.º), 1997/98 (16.º), 1998/99 (17.º), 2016/17 (11.º), 2017/18 (6.º) e 2018/19 (16.º).

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Na Primeira Página