loading

FC Porto: Sérgio Conceição descarta vantagem na defesa do título

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem está a reforçar-se melhor no mercado?

O campeão FC Porto parte em «pé de igualdade» com os principais adversários para a luta pelo título nacional de futebol da I Liga 2022/23, considerou hoje o treinador dos 'dragões', Sérgio Conceição.

“Obviamente, há favoritos. São os históricos três ‘grandes’, sendo que também incluo o Sporting de Braga, mas não há vantagem por termos conquistado três campeonatos nos últimos cinco anos. Acho que é importante olhar para esta maratona de 34 jornadas. Os clubes que mencionei partem em pé de igualdade e tudo depende daquilo que fizermos em campo, até porque não é o peso da camisola que envergamos que vai decidir algo. O que passou, passou”, reconheceu o técnico, na conferência de imprensa de antevisão ao duelo em casa com o Marítimo, no sábado, da ronda inaugural da 89.ª edição da prova.

Depois de êxitos intercalados em 2017/18, 2019/20 e 2021/22, os ‘dragões’ perseguem o 31.º campeonato do seu palmarés na I Liga e um inédito ‘bi’ com Sérgio Conceição, que tinha classificado esta semana o FC Porto como “o primeiro alvo a abater” em 2022/23.

“Não temos nenhuma bandeira com esse slogan. No ano passado houve uma afirmação do Rúben [Amorim, treinador do Sporting, que foi campeão nacional em 2020/21] a dizer exatamente o mesmo. Temos de defender o título e fiz essa análise com os jogadores. Ganhámos, mas no ano seguinte as coisas não correm tão bem, apesar de termos feito sempre épocas boas a nível de resultados. Olhando para os campeonatos passados, já retirámos algumas coisas importantes para não serem repetidas. Pode-se ganhar, mas difícil é ganhar muitas vezes e estarmos sempre motivados. Esse é o meu foco”, vincou.

O treinador referiu que “há algumas coisas que não gostava de ver e ouvir” durante esta temporada, que “são conhecidas por todas”, mas preferiu salientar a “matéria-prima de muita qualidade” patente nos jogadores e técnicos do escalão principal do futebol luso.

“Cada um faz as análises que faz. Temos uma I Liga interessante, com equipas técnicas cada vez mais bem preparadas e jovens jogadores da nossa formação a surgirem nas primeiras equipas. É de louvar muitas coisas positivas. Já viram a quantidade de atletas que sai da I Liga portuguesa e vai para os melhores campeonatos do mundo?”, ilustrou.

Diogo Costa e Fábio Cardoso estão de regresso às opções de Sérgio Conceição para a receção ao Marítimo, depois de terem cumprido suspensão na vitória sobre o Tondela, recém-despromovido à II Liga, por 3-0, no sábado, em Aveiro, que permitiu ao FC Porto abrir oficialmente a temporada com a 23.ª conquista da Supertaça Cândido de Oliveira.

“As expectativas são as de sempre: fazer um bom jogo e ter um resultado positivo, que passa pela vitória. O Marítimo tem estado desde a 12.ª jornada do campeonato passado com o Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Na Primeira Página