loading

"Quem diz o que quer, ouve o que não quer"

Recentemente, Frederico Varandas, presidente do Sporting, escolheu não responder às provocações de Pinto da Costa, presidente do FC Porto. O silêncio recebe elogios, com André Pinotes Batista destacando a sabedoria dessa decisão.

"Quem diz o que quer, ouve o que não quer"

Ao longo de uma história de 40 anos de provocações, Pinto da Costa, presidente do FC Porto, viu recentemente Frederico Varandas, presidente do Sporting, optar pelo silêncio em resposta às suas declarações. O líder leonino, questionado sobre os comentários de Pinto da Costa, limitou-se a sorrir, recusando-se a responder aos jornalistas.

André Pinotes Batista, deputado na Assembleia da República e associado do Sporting, elogiou a postura de Varandas. "Mal seria se Pinto da Costa pode dizer o que quer sobre todas as pessoas que quer, porquê que Frederico Varandas haveria de ser menos do que ele?".

"Não há uma latitude maior para Pinto da Costa do que para Rui Costa ou Frederico Varandas ou para António Salvador", destacou André Pinotes Batista, que falava em declarações na CMTV, reproduzidas pelo jornal 'Bancada.pt'.

O deputado recordou o histórico de Pinto da Costa, conhecido pela sua postura provocadora ao longo dos anos. No entanto, salientou que Frederico Varandas agiu sabiamente ao não alimentar mais a polémica, destacando que "quem diz o que quer, ouve o que não quer".

"Acho que Frederico Varandas fez bem em não insistir mais. Há momentos em que Pinto da Costa vai falar, em que Rui Costa vai falar. Chega, porque mais que isto contribui para um ambiente que não é saudável," afirmou André Pinotes Batista sobre a decisão de Varandas em manter o silêncio após as declarações de Pinto da Costa.

Siga-nos no Facebook, no Twitter, no Instagram e no Youtube.

Relacionadas

Futebol365 365
22-02-2024 · 17:56

FC Porto: Yes we conseguimos

Para si

Na Primeira Página

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Quem está mais perto de chegar aos quartos de final da Liga Europa?