Caro visitante,

Reparámos que tem um Ad Blocker (software de bloqueio de publicidade) ativo.

A informação tem valor. O Futebol 365 disponibiliza todos os seus conteúdos de forma gratuita e de livre acesso. Os anúncios ajudam-nos a pagar a informação que consulta todos os dias. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker apenas para o Futebol 365.

Esperamos a sua compreensão.

Obrigado.
Futebol 365
V. Guimarães: Presidente fala sobre protocolo com Hospital da cidade
por Rogério Dias c/Lusa, publicado a 18-08-2017 às 16:07
O presidente do Vitória de Guimarães, Júlio Mendes, defendeu hoje que o protocolo com o Hospital Senhora da Oliveira, para prestação de cuidados aos futebolistas, mostra que os clubes podem encontrar 'qualidade' no Serviço Nacional de Saúde.

O dirigente do clube da I Liga portuguesa de futebol selou hoje o acordo com o presidente do Conselho de Administração da unidade de saúde vimaranense, Delfim Rodrigues, no Estádio D. Afonso Henriques, e lembrou que o Vitória obteve sempre 'uma resposta pronta de muita qualidade' por parte do hospital, que 'normalmente não é esperada de um serviço público' e que se adequa às necessidades do clube.

«Os clubes acham que estão acima do normal e entendem que têm de ter o topo da qualidade e serviços privados. Nós achámos que essa qualidade existe no hospital de Guimarães. Já constatámos isso, porque conhecemos pessoalmente os técnicos e os médicos, e confiamos em absoluto na sua competência», reiterou.

O presidente vitoriano revelou ainda que o protocolo, que contempla, segundo o comunicado do Hospital Senhora da Oliveira, 'exames de diagnóstico', 'atos cirúrgicos' e 'consultas de especialidade' aos jogadores, resultou de um ano de trabalho, que envolveu a resolução de 'questões complexas' na 'organização' da unidade de saúde.

Já o responsável pelo Hospital Senhora da Oliveira afirmou que o acordo vai ser uma 'mais-valia' em termos de 'dados' para 'investigação', 'publicação' e 'partilha' e mostra 'a vitalidade do Serviço Nacional de Saúde', tendo ainda dito que o Centro de Medicina Desportiva pode avançar dentro de 'três, quatro anos'.

Questionado sobre a possibilidade de o tratamento dos futebolistas interferir com os cuidados prestados ao cidadão comum, Delfim Rodrigues esclareceu que os jogadores vão ser tratados fora do 'horário normal de trabalho', com a 'livre adesão dos profissionais que assim entenderem'.

Siga-nos no Facebook, no Google+ e no Twitter.
Notícias Relacionadas
Comentários
JOGOS E RESULTADOS
loading
A carregar...
F365 NO FACEBOOK
SONDAGEM
Quem gostaria de ver como presidente do Sporting?
FORA DE JOGO
Marcelo fez «visita de cortesia» a Vladimir Putin antes do Portugal-Marrocos
Marcelo fez «visita de cortesia» a Vladimir Putin antes do Portugal-MarrocosO Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, encontrou-se hoje, em Moscovo, com o seu ...
Investigação à atividade da Turismo do Porto e Norte de Portugal faz 5 arguidos
Investigação à atividade da Turismo do Porto e Norte de Portugal faz 5 arguidosA Procuradoria-Geral Distrital do Porto (PGDP) anunciou hoje que foram constituídos cinco arguidos numa investigação ...
Euromilhões: Apostador francês é único totalista e arrecada 36,1 M€
Euromilhões: Apostador francês é único totalista e arrecada 36,1 M€Um apostador cujo boletim foi registado em França foi o único vencedor do concurso do ...
Mundial-2018: Avião que transportava equipa da Arábia Saudita sofreu falha técnica
Mundial-2018: Avião que transportava equipa da Arábia Saudita sofreu falha técnicaO avião que transportava a equipa de futebol da Arábia Saudita sofreu hoje uma “falha ...
© 1997-2018 Futebol 365
Todos os direitos reservados