loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Palestina indica Jordânia como palco dos jogos com Arábia Saudita e Malásia

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem tem o adversário mais acessível nas competições europeias?

A Federação Palestiniana de Futebol indicou hoje a Jordânia como palco dos jogos com a Arábia Saudita e a Malásia, mas manifestou-se contrariada com a imposição de disputar em terreno neutro as partidas de qualificação para o Mundial2018.
Palestina indica Jordânia como palco dos jogos com Arábia Saudita e Malásia

O presidente federativo, Jibril Rajoub, aludiu a pressões da Arábia Saudita para que o jogo não se realizasse em Ramallah, anunciando que vai pedir o seu adiamento, por considerar que até segunda-feira a seleção palestiniana não terá tempo para se preparar convenientemente.

Na quarta-feira, a FIFA anunciou a decisão de alterar o local dos jogos entre a Palestina e as seleções da Arábia Saudita e da Malásia, invocando “razões de segurança” para obrigar a que os encontros se realizem em terreno neutro.

A decisão foi tomada após uma reunião entre técnicos de segurança da FIFA e elementos das autoridades locais, um dia depois de a Arábia Saudita ter informado o organismo regulador do futebol mundial que iria faltar ao jogo marcado para hoje, em Ramallah.

A FIFA explicou em comunicado que a razão para o recuo na decisão de fazer disputar o encontro em Ramallah está a incapacidade dos responsáveis palestinianos em “assegurar as condições de segurança necessárias para a realização do jogo”.

A FIFA tinha antes rejeitado a pretensão da Arábia Saudita, que alegou “circunstâncias excecionais” para pedir a realização em terreno neutro do encontro entre as duas seleções, inicialmente marcado para 21 de outubro, mas que foi adiado para 05 de novembro.

A partida com a seleção saudita, que a Palestina pretende adiar novamente, ficou por fim marcada para segunda-feira, 09 de novembro, três dias antes do embate com a Malásia, que vai disputar-se a 12, na data inicialmente prevista.

A Palestina já tinha aceitado alterar a ordem dos jogos do grupo A de apuramento – que integra também Timor-Leste -, uma vez que deveria ter jogado inicialmente em casa, em junho, mas acedeu a deslocar-se à cidade saudita de Jeddah, onde perdeu por 3-2.

Siga-nos no Facebook, no Google+ e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler