loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Sporting-Benfica: Bruno Fernandes, o 'leão' mais a temer pelos 'encarnados'

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Até onde o Benfica vai chegar este ano na Liga Europa?

Nem um mau início de época impediu Bruno Fernandes de se tornar na principal figura do Sporting e no jogador mais a temer pelo Benfica no domingo, em Alvalade, na 20.ª jornada da I Liga de futebol.
Sporting-Benfica: Bruno Fernandes, o 'leão' mais a temer pelos 'encarnados'

O médio ofensivo ‘pagou a fatura’ de um final de época anterior conturbado pelos acontecimentos de Alcochete e pela sua reintegração tardia no plantel na época em curso, que se traduziram em exibições desconformes com a categoria e a influência que demonstrara na época 2017/18, na qual foi eleito o melhor pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

Com a entrada do treinador holandês Marcel Keizer, defensor de uma filosofia de jogo mais ofensiva do que a do seu antecessor, José Peseiro, Bruno Fernandes exponenciou ainda mais as suas capacidades e importância na equipa, somando 16 golos marcados em todas as competições, sete na I Liga, dois na Liga Europa, quatro na Taça de Portugal e três na Taça da Liga.

O capitão do Sporting já leva em apenas 33 jogos na época em curso o mesmo número de golos que marcou em toda a época passada, sob o comando técnico de Jorge Jesus, em 56 jogos, o que é sintomático da sua evolução e da influência e liderança que tem no jogo da equipa.

Não foi por acaso que vários treinadores das equipas adversárias passaram a ordenar marcações individuais a Bruno Fernandes, depois de perceberem a sua importância na dinâmica ofensiva do Sporting desde a chegada de Marcel Keizer, que valeu 25 golos nos primeiros seis jogos, suplantando em um golo o registo do anterior técnico nas primeiras 14 partidas.

Além de Bruno Fernandes, de destacar, também, o ‘peso’ do ponta de lança Bas Dost na organização ofensiva da equipa, no papel crucial de finalizador, com 11 golos marcados em 13 jogos na I Liga, na qual é o segundo melhor marcador, apenas atrás do ponta de lança brasileiro do Sporting de Braga, Dyego Sousa, que lidera com 13 golos.

No entanto, há que ressalvar que o internacional holandês esteve mais de um mês parado à conta de uma rotura muscular, que forçou a sua ausência da equipa entre as terceira e sétima jornadas, com José Peseiro, e nova ausência na 16.ª, já com Marcel Keizer.

Na época passada, Bas Dost contava à 19.ª jornada da I Liga 19 golos marcados, mais oito do que os que soma esta época.

Programa da jornada:

Sexta-feira, 1 de Fevereiro de 2019
Rio Ave - Tondela, 2 - 2

Sábado, 2 de Fevereiro de 2019
Desp. Chaves - Marítimo, 1 - 0
Boavista - Feirense, 2 - 0
Desp. Aves - Sp. Braga, 0 - 2

Domingo, 3 de Fevereiro de 2019
Nacional - V. Setúbal, 0 - 0
Santa Clara - Portimonense, 2 - 1
Sporting - Benfica, 2 - 4
V. Guimarães - FC Porto, 0 - 0

Segunda-feira, 4 de Fevereiro de 2019
Belenenses SAD - Moreirense, 0 - 1

Siga-nos no Facebook, no Google+ e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler