loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

‘Hegemónico’ Bayern procura 29.º troféu, mas Dortmund tem ‘palavra’ a dizer

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem precisa de mais reforços para a próxima época?

O heptacampeão Bayern Munique procura esta sexta-feira dar o primeiro passo para mais um título alemão de futebol, perante a concorrência de um Borussia Dortmund que apostou forte e pretende encerrar a hegemonia bávara.
‘Hegemónico’ Bayern procura 29.º troféu, mas Dortmund tem ‘palavra’ a dizer

O conjunto de Munique, no qual alinha o médio internacional português Renato Sanches, inicia a defesa do título com uma receção ao Hertha de Berlim, no encontro que marca o arranque da 57.ª edição da ‘Bundesliga’.

Com 28 troféus no palmarés, o Bayern não se poupou – mais uma vez – a esforços financeiros, reforçando-se com os laterais Benjamin Pavard (35 milhões de euros) e Lucas Hernández (80) e garantindo o empréstimo do internacional croata Iván Perisic, proveniente do Inter de Milão.

Por outro lado, viu sair os históricos Franck Ribéry e Arjen Robben, além do brasileiro Rafinha e do central Mats Hummels, que rumou ao Borussia Dortmund, repetindo o percurso de 2007.

A formação orientada por Nico Kovac, que inicia a segunda época ao comando dos bávaros, terá pela frente uma intensa corrida com o Borussia Dortmund, como ficou demonstrado no decorrer da última época e já no arranque desta.

No primeiro duelo entre ambos, há duas semanas, a equipa orientada por Lucien Favre superou o Bayern, por 2-0, e ergueu a Supertaça da Alemanha, mostrando que tem totais condições para conquistar uma prova que não vence desde 2012.

Com o lateral internacional português Raphael Guerreiro novamente entre as apostas do técnico suíço, o Borussia não só continua a contar com nomes como Axel Witsel, Mario Götze ou Marco Reus, como apostou forte no ‘mercado’: além de ter feito regressar Hummels, ainda resgatou o belga Thorgan Hazard e o alemão Julian Brandt.

Na ‘peugada’ dos dois principais candidatos surgem Leipzig, Bayer Leverkusen e Borussia Mönchengladbach, com o Eintracht Frankfurt a tentar intrometer-se nesta luta por um dos quatro primeiros lugares, que dão acesso direto à fase de grupos da Liga dos Campeões.

O Leipzig, terceiro classificado no último campeonato, continua a consolidação entre a elite do futebol germânico, agora sob o comando do jovem técnico Julian Nagelsmann (ex-Hoffenheim), de 32 anos, mas sem o internacional português Bruma, que se mudou para a Holanda, para representar o PSV.

Quanto ao Mönchengladbach – treinado por Marco Rose, que levou o Salzburgo ao bicampeonato -, apesar de ter perdido o criativo Thorgan Hazard, adicionou velocidade e força ao ataque, com as contratações do suíço Breel Embolo e do francês Marcus Thuram.

O Leverkusen, quarto classificado no último campeonato, conseguiu segurar – pelo menos, por enquanto – o médio Kai Havertz, prodígio que tem sido associado ao Bayern de Munique, enquanto o Eintracht Frankfurt conta com os golos do avançado luso Gonçalo Paciência (três já apontados neste início de época), depois de ter perdido a principal referência ofensiva, o sérvio Luka Jovic, para o Real Madrid.

Entre os recém-promovidos, o Colónia, campeão em 1964 e 1978, está de regresso à ‘Bundesliga’, depois de ter vencido o segundo escalão germânico, ao passo que o Paderborn vai iniciar a segunda participação na principal divisão, a qual disputou em 2014/15.

Já o Union Berlim vai estrear-se entre os ‘grandes’ do futebol alemão, contando no seu plantel com dois elementos de elevada experiência no primeiro escalão, como são o central sérvio Neven Subotic, que representou o Borussia Dortmund entre 2008 e 2016, e o médio Christian Gentner, ex-jogador de Wolfsburgo e Estugarda.

A Liga alemã arranca na sexta-feira, com a receção do campeão Bayern de Munique ao Hertha de Berlim, a partir das 19:30 (horas de Lisboa).

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Comentários

Na Primeira Página

Pode gostar de ler