loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

I Liga: Famalicão 2-1 FC Porto (declarações)

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

Declarações na flash-interview da Sport TV, após o jogo Famalicão-FC Porto (2-1), da 25.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol, disputado hoje no Estádio Municipal de Famalicão.
I Liga: Famalicão 2-1 FC Porto (declarações)

Sérgio Conceição (treinador do FC Porto): "Nos dados estatísticos, fomos superiores em tudo, mas os jogos não se ganham com estatísticas. Ganham-se com uma equipa com mentalidade de campeã.

Falhando as oportunidades que falhámos e, mesmo a controlar o jogo, não podemos baixar a cabeça e jogar mais com o coração do que com a cabeça. Quisemos o empate, conseguimos, fomos à procura da vitória e, no momento seguinte, sofremos o segundo golo.

Esperava mais. Assumo o que aconteceu em campo. Se queremos ser campeões, temos de dar mais do que demos hoje, sobretudo em termos de concentração competitiva, porque basta uma desconcentração para deitar tudo a perder.

Com três avançados poderosos na frente e estando empatados, poderíamos ter utilizado mais os nossos avançados de outra forma. Aliás, foi dessa forma que conseguimos criar aquele lance do Aboubakar, que, depois de ver nas imagens, tenho a certeza que é penálti.

Temos de ser mais fortes dentro e fora do campo, e vamos ter de lutar conta tudo e contra todos.

Não estamos habituados a perder, nem ficamos bem quando perdemos. Temos já de pensar em trabalhar amanhã e ganhar os nove jogos que faltam no campeonato."

João Pedro Sousa (treinador do Famalicão): "Fomos uma equipa corajosa. Foi um jogo extremamente difícil e já esperávamos um FC Porto fortíssimo, como aconteceu. Mesmo assim, não alterámos a forma como atacamos.

Com o tempo fomos conseguindo chegar a zonas que pretendíamos para marcar. Conseguimos, forçámos o erro do FC Porto e conseguimos controlar o FC Porto. Não abalámos com o 1-1 e mantivemos a postura. Depois, numa jogada muito bonita, fizemos o 2-1.

Foi uma vitória justa, pelo que corremos e lutámos, perante um FC Porto que nos criou muitos problemas e muito complexos.

Não tivemos medo de impor o nosso jogo quando tivemos a bola. É assim que sabemos jogar e competir, e é assim que vamos fazer até final da época.

Reconheço que era uma incógnita [a vertente física dos jogadores], porque [a paragem] foi uma situação totalmente nova. Mas os jogadores mostraram que são grandes profissionais e jogaram os 90 minutos a um nível muito elevado.

[Candidatura à Europa] Vamos fazer os nove jogos que faltam com esta identidade e vamos lutar pela vitória em todos eles."

Pepe (jogador do FC Porto): "Criámos tantas oportunidades para matar o jogo na primeira parte, mas o futebol tem destas coisas. Quem não marca, acaba por sofrer. Sofremos dois golos de que não estávamos à espera. Há que levantar e lutar, ainda faltam nove jornadas. Esta equipa nunca desiste. Este recomeço não é o que todos nos desejávamos.

Na primeira parte, o Famalicão praticamente não saiu do seu meio-campo. A segunda parte começa com uma falha nossa [de Marchesín], depois conseguimos o empate. A equipa ficou um pouco ansiosa para fazer o 2-1 e acabámos por sofrer o segundo golo. Fomos superiores. Eles marcaram nas duas oportunidades que tiveram.

Não é o resultado que queríamos. Queríamos continuar na liderança, mas há que ter calma, ter os pés no chão, continuar a trabalhar com serenidade para, no futuro, não falharmos tantos golos."

Pedro Gonçalves (jogador do Famalicão): "Foi um jogo diferente, sem adeptos, mas eles sempre nos apoiaram. [A vitória] Foi uma inspiração para eles.

Fizemos tudo o que o mister nos pediu. Tentámos ter a bola e chegar o mais rápido possível à baliza adversária.

Vamos continuar a jogar jogo a jogo. Nestas nove jornadas que faltam vamos tentar ganhar todos os jogos."

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página