loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Taça de Portugal: Benfica tem mais seis finais e 10 troféus do que o FC Porto

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

O Benfica conta mais seis presenças na final da Taça de Portugal em futebol e mais 10 ‘canecos’ do que o FC Porto, em vésperas da decisão da 80.ª edição da prova, marcada para sábado, em Coimbra.
Taça de Portugal: Benfica tem mais seis finais e 10 troféus do que o FC Porto

Os ‘encarnados’ disputam a 37.ª final, enquanto os ‘dragões’ vão para a 31.ª, e, no que respeita aos títulos, as ‘águias’ totalizam 26, contra 16 dos ‘dragões’, que são terceiros do ‘ranking’, ainda atrás do Sporting (17).

O Benfica esteve pela última vez na final em 2016/17, batendo o Vitória de Guimarães por 2-1, enquanto o FC Porto foi finalista vencido a época passada, face aos ‘leões’, no que foi o seu segundo desaire seguido, após o 6-2 aos minhotos em 2010/11.

A diferença nos títulos é explicada em grande parte pelo confronto direto, já que, em nove finais entre os dois, o Benfica venceu oito e o FC Porto apenas uma, na longínqua temporada de 1957/58, há nada menos do que 62 anos.

Depois desse triunfo portista, por 1-0, na segunda final entre os dois rivais, os ‘encarnados’ já vão em sete vitórias consecutivas sobre os ‘azuis e brancos’, a última em 2003/04 (2-1 após prolongamento), para negar a ‘dobradinha’ a Mourinho.

O Benfica marcou presença na primeira final, em 1939, que perdeu para a Académica, mas, na década de 40, fez o pleno de vitórias, em quatro finais, contra Belenenses (1940), Vitória de Setúbal (1943), Estoril (1944) e Atlético (1949).

A década de 50 seria uma das mais produtivas, pois trouxe sete finais às ‘águias’, que apenas perderam uma, a única em que foram derrotadas pelo FC Porto, em 1958. Depois, nos anos 60, ganhou três de quatro e, nos 70, apenas duas de cinco.

O domínio benfiquista cimentou-se nos anos 80, com seis triunfos (1980, 1981, 1983, 1985, 1986 e 1987) e um desaire (1989), nas sete finais em que participou.

O clube da Luz arrecadou mais dois troféus nos anos 90, em três finais, para, na primeira década do século XXI, apenas alcançar um cetro, em duas presenças. Na atual, perdeu a primeira, mas venceu as duas últimas (2014 e 2017).

Quanto ao FC Porto, ergueu o troféu pela primeira vez em 1956 e repetiu o feito dois anos depois, somando dois troféus na década, em quatro finais. Na década de 60, só somou um (1968), em três finais, para ganhar outro na de 70 (1977), em duas.

Duas conquistas nos anos 80 antecederam 10 triunfos do FC Porto em 21 anos, entre 1991 e 2011, ano em que, com um 6-2 ao Vitória de Guimarães, arrebataram a prova pela última vez, numa temporada em que conquistaram ainda o campeonato e a Liga Europa.

Benfica e FC Porto defrontam-se no sábado na final da 80.ª edição da Taça de Portugal, que terá como palco pela primeira o Estádio Cidade de Coimbra, devido à pandemia de covid-19, também responsável pelo facto de o jogo se disputar à porta fechada.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página