loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

LE: Palmarés do AC Milan «não assusta» sonho europeu do Rio Ave

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

É justa a medida do Governo em autorizar o regresso I Liga e impedir a II Liga?

O Rio Ave vai apresentar-se na quinta-feira destemido diante do ‘colosso’ italiano AC Milan, sonhando com o regresso à fase de grupos da Liga Europa de futebol, vincou hoje o treinador adjunto Augusto Gama.

“Já chegámos uma vez à fase de grupos e gostávamos de lá voltar. Derrotar uma equipa como o AC Milan seria um feito histórico na vida do clube e para todos os jogadores”, frisou o técnico, porta-voz dos vila-condenses na antevisão ao desafio, uma vez que Mário Silva ainda não tem as credenciais exigidas pela UEFA.

O Rio Ave estreou-se na fase principal da segunda competição continental de clubes em 2014/15 e vive a quarta presença europeia em seis temporadas, estando perto de disputar um dos jogos mais importantes em 81 anos de história, após ter eliminado os bósnios do FK Borac (2-0) e os turcos do Besiktas (1-1, 4-2 nas grandes penalidades).

“O AC Milan tem um palmarés muito grande no futebol europeu, mas nenhuma equipa nos assusta e sabemos que temos valor. Vai criar-nos bastantes dificuldades, mas estamos preparados para elas, da mesma forma como conseguimos ultrapassar uma excelente equipa na Turquia. É só um jogo e tudo pode acontecer”, afiançou.

Sentado ao lado de Augusto Gama, o avançado Bruno Moreira reforçou a ambição dos nortenhos para um encontro “especial”, no qual o Rio Ave pretende demonstrar “a sua identidade” diante de um emblema heptacampeão europeu, que surge no comando do campeonato italiano e é uma das poucas equipas invencíveis no pós-confinamento.

“É um sonho e um objetivo. Esta casa tem-nos habituado a vibrar com resultados, bom futebol e apuramentos para a Liga Europa. Estamos perante um sonho e vamos defrontar uma excelente equipa, mas sabemos daquilo que somos capazes. Estar outra vez nos grupos significaria que vencemos o AC Milan e isso seria histórico”, admitiu.

O autor do golo rioavista no terreno do Besiktas acredita que “muito do que se vai passar” depende da postura do Rio Ave para bater um dos ‘gigantes’ da Europa, sedento por recuperar algum fulgor perdido na última década, como indicaram os triunfos recentes sobre os irlandeses do Shamrock Rovers (2-0) e os noruegueses do Bodo/Glimt (3-2).

“Acreditamos muito naquilo que fazemos e tentaremos pô-lo em prática, mesmo que do outro lado esteja uma grande equipa europeia e excelentes jogadores. Acredito muito naquilo que possamos fazer dentro do campo. Nortada? Não ajuda em nada para o bom futebol que gostamos de praticar e esperamos uma noite tranquila”, agregou.

Questionados sobre a ausência do defesa brasileiro Matheus Reis, que lida com um processo disciplinar do clube, por ter recusado atuar no domingo diante do Vitória de Guimarães, na segunda jornada da I Liga, Augusto Gama e Bruno Moreira reiteraram que o presidente António Silva Campos “já falou tudo o que tinha para falar”.

O Rio Ave recebe à porta fechada o AC Milan na quinta-feira, às 20:00, no Estádio do Rio Ave FC, em Vila do Conde, em encontro único do ‘play-off’ de acesso à fase de grupos da Liga Europa, que terá arbitragem do espanhol Jesús Gil Manzano.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página