loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

V. Guimarães: Guarda-redes Jhonatan está infetado com o novo coronavírus

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O guarda-redes Jhonatan, do Vitória de Guimarães, está infetado com o novo coronavírus, depois de ter apresentado um resultado inconclusivo no início da semana.
V. Guimarães: Guarda-redes Jhonatan está infetado com o novo coronavírus

Os vitorianos confirmaram na tarde de hoje que o guarda-redes brasileiro, de 29 anos, estava a aguardar um "novo resultado", após o teste inconclusivo na "ronda do início da semana", quando anunciaram que os habituais titulares Bruno Varela, guarda-redes, e Pepelu, médio, estavam infetados pelo vírus que originou a pandemia de covid-19.

Os três jogadores "encontram-se em isolamento", estando assim fora das opções para a receção ao Marítimo, a contar para a 16.ª jornada, agendada para as 15:00 de domingo, tal como o defesa-central Jorge Fernandes, que viu o quinto cartão amarelo para o campeonato na partida anterior, diante do Famalicão (triunfo vimaranense por 1-0).

O Vitória contabiliza nove casos de infeção em janeiro, após ter informado, no dia 02, que seis jogadores tinham obtido resultados positivos nos testes, facto que ditou o adiamento do jogo com o Nacional, da 12.ª jornada da I Liga, para 21 de janeiro (triunfo vitoriano por 3-1).

O extremo Nélson da Luz esteve infetado em meados de setembro, ao passo que os defesas Sacko, Abdul Mumin e Gideon Mensah tiveram resultados positivos em meados de outubro, tal como o presidente do clube, Miguel Pinto Lisboa.

Em dezembro, cinco jogadores dos minhotos contraíram o novo coronavírus: o guarda-redes Nicolas Tiê, os defesas Zié Ouattara, Suliman e Jonas Carls e o avançado Lyle Foster.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.159.155 mortos resultantes de mais de 100 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.305 pessoas dos 668.951 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página