loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Futebol de praia: Portugal perde com Bielorrúsia na preparação para Mundial

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

A seleção portuguesa de futebol de praia perdeu hoje com a Bielorrússia por 8-4, no segundo jogo seguido de preparação contra a formação de Leste, no âmbito do estágio que decorre em Sesimbra para o Mundial2019, no Paraguai.
Futebol de praia: Portugal perde com Bielorrúsia na preparação para Mundial

Depois de ter vencido na véspera a congénere bielorrussa nos penáltis, após um empate a cinco golos no fim do tempo regulamentar, a 'equipa das quinas' não consegiu hoje contrariar a boa organização da Bielorrússia e saiu derrotada deste encontro.

Tal como na véspera, a partida foi dividida em três períodos de 20 minutos cada, com os forasteiros a chegarem ao final do primeiro período em vantagem (1-2), que mantiveram no segundo período (3-4), e alargaram no terceiro e último período (4-8).

Os golos de Portugal foram apontados por Von, Tiago Petrony, Rodrigo Pinhal e Bruno Torres.

No Mundial, que vai decorrer entre 21 de novembro e 01 de dezembro de 2019, no Paraguai, Portugal vai defrontar as seleções do Brasil, Nigéria e Omã no Grupo D.

A seleção lusa inicia a competição frente à Nigéria, a 22 de novembro, a partir das 14:50 (hora portuguesa), defronta a seguir o Brasil, dois dias depois, a partir das 18:00, e finalmente a seleção de Omã, a 26 de novembro, a partir das 14:50.

Os dois primeiros classificados de cada grupo apuram-se para os quartos de final do Mundial, que se disputam a 28 de novembro e, caso garanta a qualificação, Portugal vai enfrentar uma equipa do grupo C nas meias-finais, a 30 de novembro, estando a final agendada para 01 de dezembro.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler