loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

II Liga: Desp. Chaves mais forte na segunda parte vence na receção ao Casa Pia

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Frederico Varandas deve pedir a demissão de presidente do Sporting?

O Desportivo de Chaves venceu hoje o Casa Pia por 2-0, com golos de Wagner e André Luís, num encontro da 10.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol em que os flavienses se superiorizaram na segunda parte.
II Liga: Desp. Chaves mais forte na segunda parte vence na receção ao Casa Pia

Após um primeiro tempo com poucos motivos de interesse no encontro realizado em Chaves, os transmontanos apareceram melhor na segunda parte e marcaram na sequência de pontapés de canto, por Wagner, aos 53 minutos, e André Luís, aos 71.

A equipa de Trás-os-Montes somou o segundo triunfo consecutivo no segundo escalão e subiu ao sexto lugar da prova com 18 pontos, enquanto os lisboetas mantêm-se com sete pontos, descendo uma posição para o penúltimo lugar.

Apesar do ascendente, a equipa da casa não conseguiu aproveitar nenhuma situação no ataque para criar real perigo na primeira parte, perante um adversário que não se limitou a defender, mas também não esteve inspirado na frente, o que resultou num mau espetáculo de futebol.

As tentativas de chegar ao golo pertenceram em exclusivo aos flavienses, com Jean Filipe a disparar por cima após livre direto, aos 12 minutos, e Fatai a rematar ao lado após ter ganho um ressalto e ter ficado em excelente posição para criar perigo, aos 45.

O técnico José Mota procurou mexer com o jogo logo no reinício da partida, ao lançar o avançado João Correia e o Desportivo de Chaves assumiu definitivamente o controlo do encontro, aparecendo no último terço com mais jogadores em zona de finalização.

Rapidamente os transmontanos criaram perigo e após Diego Galo falhar a emenda na área, aos 49 minutos, pouco depois, aos 53, Wagner foi mais eficaz, ao aparecer ao segundo poste para marcar pelo segundo jogo consecutivo, correspondendo a um canto de Guzzo.

O técnico dos lisboetas procurou também dar mais soluções à sua equipa, mas as entradas de Jeka, Mateus e Sountoura não mexeram com o encontro, pois a equipa de Chaves manteve o domínio e o resultado podia ter ganho uma diferença maior.

Novamente de canto, aos 71 minutos, agora batido por Costinha, que entrou no decorrer do encontro, o avançado André Luís concluiu de cabeça e aumentou a vantagem, atingindo o oitavo golo na II Liga e marcando pelo quinto jogo consecutivo.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler