loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Taça de Portugal: Benfica precisou de ‘canivete suíço’, FC Porto bateu Varzim

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Facebook

Outras Notícias

Sondagem

Quem vai vencer a Taça da Liga?

O suíço Haris Seferovic saiu hoje do banco de suplentes para evitar nova eliminação do Benfica perante o Rio Ave e permitiu que os ‘encarnados’ acompanhassem o FC Porto rumo às meias-finais da Taça de Portugal de futebol.
Taça de Portugal: Benfica precisou de ‘canivete suíço’, FC Porto bateu Varzim

O desfecho do jogo entre as duas equipas na edição 2017/18 da prova ‘rainha’ (3-2 para os vilacondenses), então nos oitavos de final, esteve muito perto de se repetir, não só pelas duas vantagens de que o Rio Ave beneficiou, mas, sobretudo, pela forma como fez frente aos ‘encarnados’.

O livre exemplarmente cobrado pelo brasileiro Lucas Piazón, aos quatro minutos, foi anulado, pouco depois, pelo argentino Cervi, aos 13, mas o iraniano Mehdi Taremi deu nova vantagem aos visitantes, aos 29, deixando em ‘sobressalto’ o estádio da Luz.

Lançado por Bruno Lage à hora de jogo, Seferovic precisou de apenas 11 minutos em campo para operar a reviravolta favorável ao Benfica, marcando aos 64 e 71, ele que não ‘faturava’ há oito jogos, desde a derrota em Lyon (3-1), para a Liga dos Campeões.

Nas meias-finais, que serão jogadas a duas mãos, as ‘águias’, que na sexta-feira disputam o dérbi com o Sporting, terão pela frente o vencedor da eliminatória entre Paços de Ferreira e Famalicão, que se defrontam na quarta-feira, na ‘capital do móvel’.

Já o FC Porto superou o Varzim, formação que disputa a II Liga, por 2-1 e assegurou presença nas meias-finais pelo terceiro ano seguido, em vésperas de receber o Sporting de Braga, para o campeonato, e defrontar o Vitória de Guimarães, na ‘final four’ da Taça da Liga.

O avançado Soares marcou o quinto golo nos últimos quatro jogos e adiantou os ‘azuis e brancos’, aos 28 minutos, só que os varzinistas empataram pouco depois, aos 36, num livre de Hugo Gomes.

No entanto, o central Iván Marcano repôs a vantagem dos ‘dragões’, aos 41, garantindo um triunfo pela margem mínima, mas suficiente para colocar o finalista da última temporada na fase seguinte.

O adversário do FC Porto nas ‘meias’ sairá do duelo entre o Académico de Viseu e o Canelas 2010, único ‘resistente’ do Campeonato de Portugal, que fecham os quartos de final da prova, na quinta-feira.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Na Primeira Página

Pode gostar de ler