loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Tondela: Treinador defende equilíbrio entre defesa e ataque frente ao FC Porto

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O treinador do Tondela, Pako Ayestarán, defendeu hoje que é «muito importante» o equilíbrio entre a defesa e o ataque na deslocação ao FC Porto, em jogo da nona jornada da I Liga de futebol.

“Esse é o nosso objetivo, o equilíbrio entre o ataque e a defesa que é muito importante em todos os jogos, mas em jogos como este, em que enfrentas uma equipa como o FC Porto, ainda mais”, considerou Pako Ayestarán.

Na antevisão ao jogo de sábado, marcado para as 20:30, no Estádio do Dragão, o técnico espanhol reconheceu que o plantel ‘beirão’ tem de “ser capaz de gerir todas as fases do jogo, tanto no ataque como na defesa”.

“Sabemos que na defesa vai haver momentos em que teremos de defender todos e vamos ter de posicionar os jogadores no lugar adequado para poder ter determinadas transições e no ataque sabemos que perdemos muita posição, porque na transição eles também são muito fortes”, considerou.

Pako Ayestarán disse que “todos os treinadores estão convencidos que podem vencer o jogo seguinte” e, por isso, tem de saber “usar as armas” que o plantel do Tondela tem, mesmo sabendo que os ‘beirões’ “não serão os dominadores do jogo”, mas, quer arranjar uma estratégia que “permita disputar os três pontos”.

“Sabemos quem enfrentamos, temos presente que são uma grande equipa e também sabemos que podemos ter as nossas oportunidades. Sabemos que é muito difícil, não é impossível, e trataremos de aproveitar com as nossas armas”, insistiu.

Sobre a evolução do seu plantel, o técnico admitiu que “o início do jogo é bom, a progressão é boa” e “chega com suficiente número de jogadores à grande área, mas depois falta o último passe, o último remate” e, isso, considerou, “muitas vezes, é uma questão de sorte e é esperar que ela mude”.

Pako Ayestarán já pode contar com os três guarda-redes, uma vez que Babacar Niasse está de volta aos treinos após período de isolamento por ter tido teste positivo ao novo coronavírus, que provoca a covid-19, e Pedro Trigueira já recuperou da lesão muscular na coxa direita.

De regresso está também o ponta de lança Mario González, que tal como Babacar Niasse também esteve em isolamento, e “certamente vai ser parte do primeiro ‘onze’”, reconheceu o treinador que não pode contar com o avançado Salvador Agra que cumpre castigo.

“Todos os jogadores sabem que podemos contar com eles. (...) Todos já deram sinais que podemos contar com eles e temos de analisar durante a semana quais são os jogadores que nos podem dar mais neste jogo, tendo em conta o jogo e as características do FC Porto que são muito peculiares”, acrescentou.

O Tondela, 14.º classificado, com oito pontos, vai ao Estádio do Dragão, pelas 20:30 de sábado, enfrentar o FC Porto, quarto na tabela, com 16 pontos, em jogo a contar para a nona jornada da I Liga de futebol.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página