loading

Nota: Caro visitante, o acesso à informação do nosso site é gratuita e de livre acesso. Tal só é possível exibindo anúncios a quem nos visita. Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios.

Covid-19

Crónica: Dala ‘trava’ Sporting e dá empate ao Rio Ave em Alvalade

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O Rio Ave quebrou hoje a série de quatro vitórias do Sporting, ao empatar em Alvalade 1-1, em jogo da 14.ª jornada da I Liga de futebol, graças ao golo do ex-‘leão’ Gelson Dala, na segunda parte.
Crónica: Dala ‘trava’ Sporting e dá empate ao Rio Ave em Alvalade

O goleador do Sporting Pedro Gonçalves abriu o marcador, aos 42 minutos, mas o avançado angolano, contra a corrente do jogo, 'selou' o resultado, aos 61.

Com este empate, o Sporting, que permanece invicto, mantém a liderança da I Liga, agora com 36 pontos. Por sua vez, o Rio Ave é oitavo, com 15, em igualdade com o Santa Clara, sétimo, que tem menos um jogo.

Esta igualdade tem o condão de 'acender' ainda mais o clássico de hoje no Estádio do Dragão, que coloca frente à frente o FC Porto e o Benfica, ambos com 31. Em caso de vitória, uma destas equipas passará a somar 34, menos dois do que os ‘leões’.

A formação vila-condense entrou melhor no jogo, a empurrar o Sporting para o último terço do terreno, a pressionar bem o portador da bola e a obrigar os ‘leões’ a cometerem erros na fase de transição.

Para recuperar o domínio, os comandados de Rúben Amorim, hoje pela primeira vez como treinador principal na ficha de jogo, variaram o centro do jogo, começaram a atacar mais pelo lado esquerdo, mas a solidez defensiva do Rio Ave foi tentando impedir o líder da I Liga de fazer um remate enquadrado à baliza de Kieszec.

A tentativa de Palhinha, aos 38 minutos, de fora da grande área, para defesa fácil do guarda-redes vila-condense, acabou por ser 'mola' galvanizadora, já que, aos 42, Pedro Gonçalves, de pé esquerdo, abriu o marcador, na sequência de uma jogada iniciada do lado direito, onde Porro cruzou tenso para a área, a bola sobrou para Plata, na esquerda, que serviu ‘Pote’ para o 1-0, somando agora 12 golos na I Liga.

Na segunda parte, o treinador Pedro Cunha colocou em campo Gabrielzinho para o lugar de Pedro Amaral, contudo, a tendência do jogo manteve-se, com o Sporting a comandar a posse de bola, mas Gelson Dala, aos 61 minutos, fez a igualdade contra a tendência do jogo, numa altura em que os ‘leões’ apresentavam 70% de posse de bola.

O angolano estreou-se a marcar na I Liga na sequência de uma assistência de Carlos Mané, depois de receber a bola de André Geraldes – todos ex-jogadores do Sporting –, que a tirou a João Mário.

Insatisfeito com o rumo do encontro, Rúben Amorim chamou ao jogo Bruno Tabata e Jovane Cabral, para os lugares de Eduardo Quaresma e Gonzalo Plata, aos 73 e 78 minutos, respetivamente, o que se traduziu em nova fase de pressão do Sporting, mas o Rio Ave não desarmou e consegui manter a igualdade até ao apito final árbitro lisboeta Hélder Malheiro.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página