ESC ONLINE

Santa Clara: Daniel Ramos quer carimbar «principal objetivo» frente ao Nacional

Últimas Notícias

Notícias Mais vistas

Sondagem

Após os primeiros jogos das competições nacionais e internacionais, quem está em melhor forma?

O treinador do Santa Clara, Daniel Ramos, disse hoje que a equipa açoriana quer vencer o Nacional na próxima jornada da I Liga de futebol para carimbar “de forma definitiva” a manutenção, o “principal objetivo” do clube.
Santa Clara: Daniel Ramos quer carimbar «principal objetivo» frente ao Nacional

“O apelo [aos jogadores] aqui não tem a ver com o valor e a posição do Nacional, não tem a ver com isso. Tem a ver com que aquilo que nós podemos atingir, aquilo que nós propusemos e que estamos a um passinho de o fazer: dar mais três pontos à equipa e de forma definitiva carimbarmos o principal objetivo do clube”, declarou Daniel Ramos.

O treinador dos açorianos falava hoje no estádio de São Miguel, em Ponta Delgada, na véspera da receção ao Nacional a contar para a 26.ª jornada da I Liga de futebol.

Em caso de vitória no próximo encontro, o Santa Clara atinge a meta de 35 pontos, um dos “objetivos” do clube, porque tradicionalmente aquele número de pontos é apontado como o suficiente para assegurar a permanência na I Liga.

“Temos vindo a demonstrar jogo após jogo que somos equipa competente, é mais um jogo, é a oportunidade de no jogo reafirmamos isso e fazermos mais três pontos”, acrescentou o treinador.

Questionado pelos objetivos do clube caso assegure a manutenção, Daniel Ramos disse não ser o “tempo certo” para os revelar, porque “primeiro há que consolidar o primeiro objetivo”, para depois “procurar um segundo objetivo”.

“Temos capacidade, como disse, para fazer mais um bom jogo. Estamos a jogar bem, estamos a ser competentes, sentimos que merecíamos ter mais alguns pontos na tabela classificativa, mas temos 32, não nos deram nada de borla, foi tudo conquistado”, acrescentou.

Daniel Ramos alertou para as dificuldades do próximo encontro, que tem uma “grande importância” para o Nacional, equipa que está em último lugar na tabela classificativa.

Sobre as características do próximo adversário, o treinador do Santa Clara destacou que o Nacional explora a “velocidade e a verticalidade”, com “muitos ataques em profundidade”, procurando “atingir rápido a baliza adversária”.

“Sabemos que não há jogos fáceis, nem nunca pensamos em qualquer tipo de facilitismos, mesmo com o resultado adverso do Nacional na última jornada, porque sabemos que foi um percalço. Temos é de ser competentes”, apontou.

Na passada jornada do campeonato, o Nacional foi derrotado em casa por 5-1 pelo Portimonense, enquanto o Santa Clara perdeu por 2-1 no estádio do Dragão frente ao FC Porto.

Daniel Ramos disse hoje ter ficado “muito contente” e “orgulhoso” da equipa açoriana no último encontro.

“É uma equipa que tem marcado presença, mesmo nos jogos e campos mais difíceis tem marcado presença”, assinalou, referindo-se à própria equipa.

Santa Clara, sétimo classificado com 32 pontos, recebe o Nacional, 18.º com 21, no próximo domingo, às 14:30 locais (mais uma hora em Lisboa), no estádio de São Miguel, Açores, em jogo da 26.ª jornada da I Liga de futebol.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Relacionadas

Pode gostar de ler

Na Primeira Página